Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Chapa 'puro-sangue': Lafayette Andrada define vice na disputa em BH

A escolhida pelo Republicanos, Marlei Rodrigues, atua na Igreja Universal do Reino de Deus (IURD)


17/09/2020 18:16 - atualizado 17/09/2020 18:37

Partido de Lafayette ainda não firmou acordos com outras legendas.(foto: Republicanos BH/Divulgação)
Partido de Lafayette ainda não firmou acordos com outras legendas. (foto: Republicanos BH/Divulgação)
O Republicanos oficializou, nesta quinta-feira, a composição de sua chapa na disputa à Prefeitura de Belo Horizonte. Já confirmado na corrida eleitoral, o deputado federal Lafayette Andrada terá a companhia de Marlei Rodrigues, também filiada ao partido e gestora de projetos na Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

Marlei, de 59 anos, é obreira da Igreja Universal — o Republicanos tem, em seus quadros, diversos filiados ligados à instituição religiosa. Ela é formada em jornalismo e já presidiu a ala feminina da legenda na capital. Lafayette, 53, está em seu primeiro mandato na Câmara Federal. Antes, ele era deputado estadual.

“Nosso projeto precisava de um olhar feminino. Marlei, com sua experiência conhecimento e dinamismo, veio somar e deixar nossa proposta ainda mais completa para Belo Horizonte”, comemorou o candidato.

Por ora, o Republicanos (chamado PRB até meados de 2019) não firmou acordos com outras legendas para o pleito em BH.

Relação com Bolsonaro

Em entrevista ao Estado de Minas, nesta quinta, Lafayette disse que seu partido tem alinhamento às ideias defendidas pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Nas redes sociais, ele tem feito vídeos em que demonstra simpatia ao chefe do Executivo federal.

“O Republicanos tem um alinhamento com o presidente Bolsonaro. Eu estive pessoalmente com Bolsonaro há cerca de 10 dias e ele gravou uma mensagem para Belo Horizonte. Temos, de fato, proximidade muito grande com o presidente Bolsonaro e com o governo. Vamos continuar com esse alinhamento”.

Bolsonaro tem dito, constantemente, que não pretende se envolver em pleitos municipais. Em Belo Horizonte, contudo, há Bruno Engler (PRTB), também confirmado candidato e muito próximo à família
presidencial. No mês passado, inclusive, Engler postou foto ao lado de Carlos, Flávio e Jair — que vestia uma camisa do Cruzeiro.

O prazo para a realização de convenções partidárias se encerrou nessa quarta. Agora, as siglas têm até o próximo dia 26 para acertar composições e registrar as candidaturas junto à Justiça Eleitoral. O pleito deste ano está marcado para 15 de novembro. O segundo turno, se necessário, ocorrerá duas semanas depois, no dia 29 do mesmo mês.

Os candidatos à PBH:

  • Alexandre Kalil (PSD)
  • Áurea Carolina (Psol)
  • Bruno Engler (PRTB)
  • Cabo Xavier (PMB)
  • Fabiano Cazeca (Pros)
  • Igor Timo (Podemos)
  • João Vítor Xavier (Cidadania)
  • Lafayette Andrada (Republicanos)
  • Luisa Barreto (PSDB)
  • Marcelo de Souza e Silva (Patriota)
  • Marília Domingues (PCO)
  • Nilmário Miranda (PT)
  • Professor Wendel Mesquita (Solidariedade)
  • Rodrigo Paiva (Novo)
  • Wadson Ribeiro (PCdoB)
  • Wanderson Rocha (PSTU)

* Estagiário sob supervisão da subeditora Ellen Cristie. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade