Publicidade

Estado de Minas ELEIÇÕES 2020

Kalil lidera com folga corrida na eleição para Prefeitura de BH, aponta pesquisa

Atual prefeito tem grande vantagem em todas as hipóteses do levantamento


28/07/2020 10:44 - atualizado 28/07/2020 11:31

Kalil está no primeiro mandato como político; ele assumiu a Prefeitura de BH em 2017(foto: Amira Hissa/Prefeitura de Belo Horizonte)
Kalil está no primeiro mandato como político; ele assumiu a Prefeitura de BH em 2017 (foto: Amira Hissa/Prefeitura de Belo Horizonte)
O Instituto Paraná Pesquisas divulgou, nesta terça-feira, uma pesquisa de intenção de voto para a Prefeitura de Belo Horizonte nas eleições municipais deste ano. O atual prefeito, Alexandre Kalil (PSD), lidera com folga em todos os cenários estabelecidos pelo levantamento.

Em uma primeira situação, sem indução do entrevistador, 59,8% dos entrevistados disseram não saber em quem votar. Já 26,7% citaram o nome de Kalil, enquanto outros 9,5% afirmaram que não votariam em ninguém. Deputada federal, Áurea Carolina (Psol-MG) foi a única oponente com mais de 1% dos votos nesse cenário, com 1,5% das menções.

Em um primeiro cenário estimulado, com a apresentação de 14 nomes, Kalil é citado por 55,9% dos eleitores. Outros 14% afirmam que não votariam em nenhum dos candidatos, enquanto 7,1% não sabem. Nessa situação, os oponentes que mais se aproximam do atual prefeito são: o deputado estadual João Vítor Xavier (Cidadania), com 6,5%; a parlamentar federal Áurea Carolina, com 4,1%; e o engenheiro Rodrigo Paiva (Novo), com 3%.

Em novo recorte estimulado, com somente nove nomes, o atual prefeito novamente se sobressai, com 56,5% das citações. As opções nenhum (14,9%) e não sabe (6,8%) também batem qualquer rival de Kalil. Outra vez, João Vítor Xavier, com 6,7%, Áurea Carolina, com 4,4%, e Rodrigo Paiva, com 3,7%, são os que mais se aproximam do atual chefe do Executivo.

A pesquisa foi realizada entre os dias 22 e 25 de julho deste ano, com margem de erro de 3,5%, de acordo com o Paraná Pesquisas. O pleito deste ano acontecerá em 15 de novembro (primeiro turno) e 29 do mesmo mês (segundo turno, caso necessário).
 

Potencial eleitoral dos pré-candidatos

 
O levantamento do Paraná Pesquisas tambéme estbelece em quem o eleitor escolheria "com certeza", "de jeito nenhum" ou que talvez "poderia votar". Segundo os dados, 37,8% votaria com certeza em Kalil, enquanto o rival com números mais próximois é João Vítor Xavier, com 2,9%.
 
Já sobre candidatos que os eleitores talvez "poderiam votar", Kalil lidera novamente, com 33%. João Vítor Xavier é o mais próximo, com 27%. O atual prefeito é o menos citado quando se fala em um candidato que não votaria "de jeito nenhum", com 27,3%.
 
Apoiado naturalmente pelo governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), o correligionário Rodrigo Paiva lidera esse quesito, com 48,2%. Essa coluna é considerável também para outros dois candidatos: João Vítor Xavier, com 45,9%, e o também deputado estadual Bruno Engler (PRTB), com 44,5%, que é considerada a opção que mais se aproxima aos princípios do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), e seus apoiadores.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade