Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Ex-deputado Alfredo Sirkis morre em acidente de carro no Rio de Janeiro

Candidato do PV ao Palácio do Planalto em 1998 estava rumo ao interior do estado quando capotou na BR-493


postado em 10/07/2020 17:42

Alfredo Sirkis morreu nesta sexta, em acidente de carro no RJ.(foto: Antonio Augusto/Câmara dos Deputados)
Alfredo Sirkis morreu nesta sexta, em acidente de carro no RJ. (foto: Antonio Augusto/Câmara dos Deputados)
O ex-deputado federal e ex-presidenciável Alfredo Sirkis, 69, morreu nesta sexta-feira, após sofrer um acidente de carro na BR-493, na Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro. A informação foi dada, inicialmente, pelo portal SRZD. O acidente foi confirmado pelo G1 junto ao Corpo de Bombeiros.

Sirkis dirigia um Volkswagen Polo quando, próximo ao quilômetro 74 da via, bateu em um poste e capotou. Ele morreu no local. Ao G1, familiares disseram que o ambientalista estava indo para um sítio em Vassouras, no interior do estado.

Na última segunda-feira, o Estado de Minas publicou entrevista exclusiva com Sirkis. Na conversa com a repórter Mariana Peixoto, ele falou sobre seu mais recente livro: “Descarbonário”, da editora Ubook.

Na obra, o ex-parlamentar relata sua trajetória desde os anos 1960, quando participou ativamente de movimentos de resistência ao regime militar.

Biografia


Ao lado de outros ambientalistas, como Carlos Minc — ex-ministro do Meio Ambiente no governo Lula — e Fernando Gabeira, Sirkis ajudou a fundar o Partido Verde (PV). Pela legenda, foi candidato à presidência da República em 1998. Com 0,31% dos votos, terminou a disputa, vencida por Fernando Henrique Cardoso (PSDB), em sexto lugar. Tentou, também sem sucesso, se eleger prefeito da capital fluminense em 2000.

Vereador do Rio de Janeiro por quatro mandatos, esteve na Câmara Federal entre 2011 e 2015. Durante o mandato, acompanhou Marina Silva e deixou o PV rumo ao PSB.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade