Publicidade

Estado de Minas

Bolsonaro exonera Valeixo do cargo de diretor-geral da PF

A exoneração saiu publicada na edição do Diário Oficial da União desta sexta-feira


postado em 24/04/2020 07:00 / atualizado em 24/04/2020 08:56

(foto: Flickr)
(foto: Flickr)
Depois de meses de ameaças, o presidente Jair Bolsonaro ( sem partido) conseguiu concretizar a sua vontade de exonerar o diretor-geral da Polícia Federal, delegado Maurício Leite Valeixo. O ato de exoneração saiu publicado na edição do Diário Oficial da União desta sexta-feira (24).

A versão oficial é que a demissão do cargo teria ocorrido a pedido de Valeixo e com a anuência do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, que, por sua vez, também ameaçou deixar o cargo, nessa quinta-feira (23), caso o delegado fosse exonerado.

 

Há mais de um ano, o presidente vem manifestando o seu desejo de trocar o comando-geral da Polícia Federal. O projeto do presidente começou com o cargo da PF no Rio de Janeiro, onde um de seus cinco filhos, o senador Flávio Bolsonaro, é alvo de processo  sobre esquema conhecido como 'rachadinha'-  assim denominado acerto fraudulento de contratação de assessores sob condição de abrirem mão de parte do salário em favor de quem o contratou.

 

Ex-deputado estadual pelo Rio de Janeiro, Flávio tem sido apontado pela Polícia Federal como beneficiário desse esquema utilizado em seu gabinete na Assembleia Legislativa.

 

Nesta semana, outros dois filhos do presidente, o vereador Carlos Bolsonaro e o deputado federal Eduardo Bolsonaro apareceram em investigações sob comando da Polícia Federal.

 

A PF suspeita que Carlos e Eduardo são responsáveis pelo comando de uma rede de fake news, disseminados nas redes sociais,  contra o Supremo Tribunal Federal e o Congresso Nacional, que insuflaram inclusive atos país afora, no domingo (19), de manifestantes pedindo o fechamento das duas instituições, a volta do  AI-5 e da ditadura militar.

 

Em um dos atos, em Brasília, o presidente da República participou com discurso afirmando que entendia o pedido dos manifestantes.  

 

 

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade