Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Defesa de Queiroz se diz 'surpresa' com operação do MP

De acordo com o advogado do ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, a operação 'é desnecessária' por que Fabrício Queiróz 'sempre colaborou com as investigações'


postado em 18/12/2019 09:48 / atualizado em 18/12/2019 10:13

(foto: Reprodução/SBT Fabricio Queiroz)
(foto: Reprodução/SBT Fabricio Queiroz)

A defesa de Fabrício Queiróz se disse surpresa com a medida de busca e apreensão em andamento na manhã desta quarta-feira, 18. Em nota, o advogado Paulo Klein, que representa Queiróz, afirmou que está tranquilo.

"A defesa de Fabrício Queiroz recebe a informação a respeito da recente medida de busca apreensão com tranquilidade e ao mesmo tempo surpresa, pois absolutamente desnecessária, uma vez que ele sempre colaborou com as investigações, já tendo, inclusive, apresentado todos os esclarecimentos a respeito dos fatos", disse Klein.

"Ademais, surpreende que mesmo o MP reconhecendo que o juízo de primeira instância seria incompetente para processar e julgar qualquer pedido relacionado ao ex-deputado o tenha feito e obtido a referida decisão, repita-se, de forma absolutamente desnecessária."

'Rachadinha'

O Ministério Público do Rio cumpre diversos mandados de busca e apreensão em endereços de ex-assessores do senador Flávio Bolsonaro na Alerj. Entre eles, está Fabrício Queiróz. As buscas estão sendo feitas em endereços de Queiroz no Rio e em Resende, no sul fluminense.

A investigação é sobre a prática de "rachadinha" no gabinete do então deputado estadual. A notícia foi divulgada pelo jornal O Globo e confirmada pelo jornal O Estado de S. Paulo.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade