UAI
Publicidade

Estado de Minas

Jean Wyllys vai lecionar em Harvard sobre fake news e discurso de ódio

Ex-parlamentar vai participar de um programa de residência na universidade americana


postado em 10/09/2019 13:09 / atualizado em 11/09/2019 08:08

(foto: José Cruz/Agência Brasil)
(foto: José Cruz/Agência Brasil)

Fora do Congresso Nacional desde o início deste ano, quando deixou o país com medo de ameaças, o ex-deputado federal Jean Wyllys terá a oportunidade de lecionar em uma das universidades mais prestigiadas do mundo. 

O baiano fará uma residência na universidade de Harvard. A informação foi confirmada pela assessoria da Liderança do PSOL, partido pelo qual Jean cumpriu dois mandatos como deputado federal. 

Segundo assessores da sigla, a nova empreitada é fruto de uma pesquisa que Jean já desenvolvia junto à fundação Open Society, acerca do tema "fake news e discursos de ódio contra minorias sexuais e étnicas". A residência se dará no Instituto de Pesquisa Afro-Latino-Americanos, junto a membros de um grupo de trabalho. Dar aulas entre as as atividades que Jean vai assumir, como pesquisador residente, durante um semestre. 

Na tarde dessa segunda-feira (10), O ex-parlamentar fez um post sobre a nova etapa de sua vida acadêmica no Instagram.




Mestre em Letras e Linguistica pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), Wyllys abriu mão de seu terceiro mandato em janeiro, por conta de ameaças que vinha recebendo. Disparadas via redes sociais, e-mail e telefone, as intimidações incluíam declarações violentas como "vou te matar com explosivos" e "já pensou em ver seus familiares estuprados e sem cabeça?". Por causa delas, o político chegou a andar escoltado 24 horas por dia.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade