Publicidade

Estado de Minas

Candidatos a deputado e um vereador são presos, suspeitos de fazer boca de urna no interior de Minas

Segundo a PM, os três estavam arremessando santinhos na porta de locais de votação


postado em 07/10/2018 08:57 / atualizado em 07/10/2018 10:03

A Polícia Militar prendeu, na madrugada deste domingo (7), dois candidatos nestas eleições e um vereador suspeitos de fazer boca de urna.
 
Os dois candidatos - um a deputado estadual em Governador Valadares, na Região Leste de Minas, e outro a federal em Sete Lagoas na Região Central - e o vereador, em Pompéu, na Região Central, estariam arremessando panfletos na porta dos locais de votação. 

Segundo o Capitão Cristiano, de plantão na sede do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MG) em Belo Horizonte, o candidato a deputado estadual Washington Xytão (Rede) foi identificado por meio de câmeras do sistema Olho Vivo, em Governador Valadares. 

Ainda de acordo com a PM, os outros presos são o candidato a deputado federal Ramsés Maciel de Castro (PMN), em Sete Lagoas, e o vereador José Romualdo de Campos (PP) em Pompéu. 
 
* Estagiário sob supervisão do editor Benny Cohen

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade