Publicidade

Estado de Minas

Candidatos à prefeitura de BH fazem promessas para saúde e cobram verbas federais

Candidatos a prefeito de BH visitam regiões carentes da cidade e dizem o que pretendem fazer para melhorar as condições de vida dos moradores


postado em 20/08/2016 06:00 / atualizado em 20/08/2016 07:45

A saúde pública foi tema principal das propostas dos candidatos à prefeitura de Belo Horizonte durante eventos de campanha ontem. Melhorias no saneamento básico, assistência aos usuários de drogas e investimentos em hospitais municipais foram algumas das promessas feitas em bairros da capital e durante debate. No entanto, a maioria dos candidatos admite a falta de verbas nos cofres municipais para atender às demandas e repassam a responsabilidades por novos investimentos ao governo federal.


O deputado Marcelo Álvaro Antônio (PR) e o empresário Alexandre Kalil (PHS) visitaram a Vila do Índio, em Venda Nova, e conversaram com moradores sobre as demandas de um dos bairros mais carentes da cidade. “Isso aqui é uma zona de exclusão social absoluta. Tem que parar com propaganda enganosa”, afirmou Kalil, que prometeu buscar recursos com o governo federal para aumentar investimentos em saúde pública. “Temos que ir a Brasília para o senhor Michel Temer pagar uma dívida quase impagável com BH. Isso não pode continuar”, ressaltou Kalil.

Candidato do PSDB, o deputado João Leite, visitou uma casa de recuperação para dependentes do crack no Bairro Renascença, na Região Nordeste, e prometeu eliminar a cracolândia que existe na região. “Será prioridade absoluta tratarmos desse mal que a cidade está vivendo, que é o uso das drogas. Vamos resgatar esses jovens, vamos quebrar as pernas do tráfico de drogas em BH. Não é possível ver esses jovens morrendo”, disse João Leite.

Durante debate entre os candidatos na tarde de ontem, o vice-prefeito Délio Malheiros (PSD), candidato pela coligação BH Segue em Frente, prometeu cobrar repasses dos governos estadual e federal para colocar em pleno funcionamento o Hospital do Barreiro. Prometido para 2012, o hospital foi inaugurado no final do ano passado, mas opera apenas parcialmente. Délio afirmou que “a continuidade do bom trabalho e da boa gestão pública” vão garantir um serviço público cada vez mais eficiente para a população.

Já Reginaldo Lopes, candidato do PT, destacou a intenção de aumentar o diálogo com os setores da população para resolver os problemas mais urgentes da cidade. Ele admitiu erros do PT nos últimos, mas citou programas bem-sucedidos da legenda que devem ser lembrados. “Quero resgatar o que tem de bom no PT e enterrar o que tem de ruim. O SAMU, por exemplo, surgiu aqui durante gestão do PT, assim como o Vila Viva”, disse Reginaldo.

Justiça A juíza Rosângela Carvalho de Monteiro deferiu na tarde de ontem pedido da executiva municipal do partido Solidariedade para que a sigla integrasse a coligação “BH que a gente quer”, que tem como candidato à prefeitura de BH o deputado Luis Tibé (PTdoB). A executiva municipal do partido fez a opção por apoiar Tibé, mas a executiva nacional interveio na decisão e orientou que a legenda integrasse a coligação que apoia o vice-prefeito Délio Malheiros (PSD) no pleito. O Solidariedade entrou na Justiça e conseguiu barrar a interferência da executiva nacional na disputa pela prefeitura de BH. Com a mudança, Tibé ganhará em torno de 40 segundos de tempo de propaganda eleitoral nos programas de rádio e TV.

Agenda dos candidatos

Eros Biondini (PROS)

 9h - Caminha com apoiadores na Lagoa da Pampulha
 11h - Inauguração de Comitê Central de Campanha, no Bairro São Luiz)

Rodrigo Pacheco (PMDB)

 Manhã – Agenda interna de gravação
 11h – Caminhada na Avenida Abílio Machado
 Tarde – Agenda interna de gravação

Délio Malheiros (PSD)

 9h30 – Caminhada em Venda Nova, com concentração na Rua Padre Pedro Pinto 708
 11h30 – Caminhada na Região Norte, com saída na Praça Anair de José Dias, Bairro São Tomaz

João Leite (PSDB)

 11h30 – Visita à Feira de Plantas e Flores da Praça Diogo de Vasconcelos, na Savassi

Alexandre Kalil (PHS)

 9h – Inauguração do Comitê Central da Coligação Pra BH Funcionar, na Rua dos Inconfidentes, na Savassi

Sargento Rodrigues (PDT)

 9h30 – Reunião com a equipe da coordenação da campanha
 12h – Gravação de programa de televisão
 16h – Caminhada no centro comercial do Bairro Betânia
 16h30 – Caminhada no centro comercial do Bairro Cabana do Pai Tomás
 19h30 – Reunião com líderes comunitários no Bairro Jardim Europa

 

 


Publicidade