Publicidade

Estado de Minas

Pimentel diz que bom resultado nas pesquisas é estímulo para campanha

O petista voltou a defender a descentralização da administração no estado, caso seja eleito


postado em 19/09/2014 13:38 / atualizado em 19/09/2014 14:33

O candidato do PT ao governo de Minas, Fernando Pimentel, disse nesta sexta-feira que os resultados das últimas pesquisas que o mostram à frente do principal adversário, o tucano Pimenta da Veiga, serve de “estímulo” para sua campanha. Segundo o petista, o apoio que recebeu de prefeitos de partidos que integram a chapa do concorrente é natural. “Nós temos uma candidatura que tá aberta à adesão e colaboração de todos que quiserem vir ajudar a melhorar Minas Gerais. Eu acho natural na medida que a campanha prossegue e as pessoas vão tomando ciência das nossas propostas, da nossa condução da campanha, com tudo que nos queremos implantar no estado”, comentou.

Pimentel se reuniu com representantes do setor florestal e de celulose, integrantes da associação Mineira de Silvicultura. Sobre o setor, o petista disse que uma das principais queixas do setor está relacionada ao processo de licenciamento. “A gente precisa agilizar o processo e descentralizar . Eu recebo do interior muitas queixas dos produtores rurais pequenos que às vezes tem que se deslocar para Belo Horizonte para conseguir a licença de uma coisa com baixo impacto ambiental. Não precisa ser assim”, disse. Segundo o candidato, se eleito, ele vai descentralizar a emissão dessas licenças para diminuir os deslocamentos e facilitar o processo, principalmente, para os pequenos produtores.

Ainda de acordo com Fernando Pimentel, Minas é o estado com a maior área de floresta plantada do Brasil. Além disso, a atividade econômica gerada pelo setor corresponde à 7 % do PIB e contribui com a geração de muitos empregos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade