Publicidade

Estado de Minas

Site de Marina Silva sofre dois ataques

De acordo com a campanha, medidas judiciais foram tomadas para apurar a origem da ação classificada como "criminosa e antidemocrática"


postado em 01/09/2014 00:12 / atualizado em 01/09/2014 07:42

O site da campanha de Marina Silva (PSB) sofreu dois ataques virtuais no fim de semana. O primeiro foi no sábado e deixou a página fora do ar por cerca de uma hora. O segundo foi ontem e derrubou o site por aproximadamente 20 minutos. De acordo com a campanha, medidas judiciais foram tomadas para apurar a origem da ação classificada como “criminosa e antidemocrática”. Ontem, após o recuo da candidata do PSB, que

suprimiu do programa de governo trechos que asseguravam apoio a propostas legislativas em defesa dos direitos da população LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais), o candidato a vice na chapa, deputado Beto Albuquerque (PSB-RS), disse que a campanha cometeu um erro. “O equívoco foi uma campanha presidencial assumir compromissos com projetos de lei no Congresso, o que é uma invasão de competência.”  Marina não teve agenda nesse domingo.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade