Publicidade

Estado de Minas

Lacerda começa a pedir voto neste sábado

Candidato à reeleição, ele irá às ruas para corpo a corpo com eleitorado


postado em 13/07/2012 06:00 / atualizado em 13/07/2012 09:43


Com uma agenda morna na primeira semana de campanha, o candidato à reeleição, prefeito de Belo Horizonte Marcio Lacerda (PSB), começa neste sábado a pedir votos nas ruas, mas ainda sem material gráfico pronto. O rosto do político só deverá começa a aparecer pregado em muros da cidade no fim da semana que vem. Isso porque os socialistas tiveram de refazer a arte dos santinhos e cartazes, devido ao rompimento da aliança com os petistas. “As cores seriam azul e vermelha (do PSDB e PT respectivamente). Estão tendo que mudar tudo. Já tinham montado muitas peças com fotos da eleição passada, de Lacerda com Fernando Pimentel”, contou uma fonte ligada às articulações da campanha.

Mesmo sem material para distribuir, o prefeito vai colocar o bloco na rua. A primeira caminhada será mais discreta. O local ainda não está definido. Uma das possibilidades que estão sendo consideradas pela coordenação é o Mercado Central. Um ato de campanha maior, com a participação da militância e das lideranças das legendas que compõem a aliança, está previsto para acontecer no fim da semana que vem.

O senador Aécio Neves (PSDB), principal cabo eleitoral de Lacerda, também deverá aparecer nesse dia. Em reunião na quinta-feira passada, depois do registro da candidatura, o tucano disse aos socialistas que seu objetivo inicial era rodar o Brasil durante o período das eleições municipais, mas que ele mudou de ideia e decidiu que vai ficar mais tempo em Belo Horizonte dando força à eleição de Lacerda.

O candidato do PSB começou a campanha pedindo às lideranças dos 19 partidos que formam sua aliança ajuda para organizar a campanha. Ele se reuniu com presidentes das legendas e com vereadores nesta semana. Na agenda do prefeito para segunda-feira está previsto um encontro com os deputados. Ele vai apresentar a equipe da campanha, pedir sugestões para o programa de governo e apoio na corrida ao governo municipal. O socialista não teve agenda de campanha ontem e não há previsão para hoje, quando ele deverá passar o dia na prefeitura.

Regionais
Lacerda passou o dia articulando os nomes que vão assumir o lugar dos petistas no Executivo. Dois  já foram definidos: Sarid Carvalho, ligado ao PR, assumirá a Regional Venda Nova, e Luiz Otávio Caetano Fonseca, a Leste.

Conforme informações de bastidores, a regional em que o prefeito está com mais dificuldade de mexer é a Oeste, comandada pela ex-petista Neusa Fonseca.  

Uma pessoa ligada a Lacerda contou que ele já convidou o vereador Ronaldo Gontijo (PPS) a assumir a liderança na Câmara Municipal. O vereador Tarcísio Caixeta (PT) renunciou à vaga na quarta-feira. Lacerda só deverá anunciar formalmente o novo nome em agosto, quando os vereadores voltam do recesso parlamentar. Outra possibilidade ventilada é de o prefeito nomear um dos atuais vice-líderes, Daniel Nepomuceno ou Bruno Miranda, para assumir o cargo deixado por Caixeta.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade