Publicidade

Estado de Minas Investimento

Aporte de R$ 6 bilhões da Gerdau vai gerar 6 mil postos de trabalho em MG

Aportes beneficiarão com empregos comunidades como Moeda e Itabirito; investimento reafirma compromisso da mineradora com Minas Gerais


Gerdau
Conteúdo patrocinado
Gerdau
postado em 19/11/2021 17:43

mineração da Gerdau
(foto: Gerdau/Divulgação)

 
Preservar o meio ambiente, ampliar investimentos sociais e financeiros, manter e gerar empregos. Esses sempre foram os compromissos da Gerdau, maior empresa brasileira produtora de aço, com Minas Gerais, ao longo de décadas de história no estado – e 120 anos no Brasil. 

Por isso, a empresa anunciou recentemente um plano de investimento de R$ 6 bilhões especificamente para Minas Gerais nos próximos cinco anos. O aporte reforça o foco da empresa no desenvolvimento sustentável do estado e gerará mais de 6 mil novos postos de trabalho diretos e indiretos. 

O plano contemplará todas as regiões onde a Gerdau possui atuação, beneficiando dezenas de municípios mineiros, com atividades de produção de aço, mineração, produção de energia renovável e a atividade de florestas plantadas. Destacam-se Moeda e Itabirito, que poderão receber investimentos de mineração que vão gerar milhares de empregos.

Dois importantes investimentos na ampliação da produção de aço vão ocorrer em Ouro Branco (MG), onde a empresa possui sua principal usina produtora, abastecida pela operação da Mina de Várzea do Lopes, responsável pela geração de cerca de cinco mil empregos diretos e indiretos – em Itabirito.

Os investimentos também serão alocados no aprimoramento de práticas ambientais e modernização tecnológica no âmbito da Indústria 4.0 de todo o seu parque industrial da Gerdau em território mineiro, incluindo, além da unidade de Ouro Branco, as plantas localizadas nos municípios de Barão de Cocais, Divinópolis e Sete Lagoas. 

Há um plano robusto de aplicação de ferramentas para ganhos de eficiência energética e hídrica e também, modernização dos equipamentos de controle de emissão de particulado, o que trará impactos ambientais positivos para as comunidades vizinhas às operações. 

A Gerdau investirá ainda no crescimento e modernização de sua base de florestas renováveis de eucalipto. A empresa já possui uma base florestal, entre plantios de eucalipto e áreas de preservação, em Minas Gerais, de 250 mil hectares em dezenas de municípios, o que contribui para que as operações de produção de aço da empresa tenham média de emissões de CO2 abaixo da média mundial do setor.

Já em suas atividades de mineração, os investimentos incluem a descaracterização da barragem dos Alemães, localizada em Ouro Preto, a adoção de tecnologias de empilhamento a seco de rejeitos e maior sustentabilidade econômica da produção de minério de ferro. Com esses investimentos, a empresa eliminará o uso de barragens em suas operações. 

No âmbito da sustentabilidade, faz ainda parte desse plano de investimentos o desenvolvimento de um parque fotovoltaico no município de Brasilândia de Minas, ao norte do estado, que é parte de um termo de cooperação entre a Gerdau e a Shell.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade