UAI
Publicidade

Estado de Minas ATAQUE VIRTUAL

Ataque hacker: Fast Shop sofre invasão nas lojas virtuais e fecha unidades

Invasão nos sistemas da companhia impactou funcionamento de lojas físicas e virtuais; hackers ameaçam roubar dados de clientes


23/06/2022 09:07 - atualizado 24/06/2022 14:48

Foto interna de uma loja Fast Shop, com eletrodomésticos expostos
Lojas virtuais da rede Fast Shop sofrem ataque virtual (foto: Fast Shop/Reprodução )
A rede varejista de eletrodomésticos e eletrônicos, Fast Shop, enfrenta um ataque hacker aos seus sistemas virtuais e perfil no Twitter. Desde quarta-feira (22/6), o site da loja está fora do ar e o funcionamento das unidades físicas está prejudicado.  

Ontem, ao acessar a loja virtual, o público se deparava com um aviso de que o site estava indisponível. “Queremos que você tenha sempre a melhor experiência de compra. E, para que isso aconteça, nosso site está passando por uma pequena manutenção”, dizia a mensagem. “Aguarde! Em breve estaremos de volta”. O aviso foi reforçado pelo perfil da companhia nas redes sociais. 


Mais tarde, a empresa relatou que as falhas técnicas, na verdade, se tratavam de uma invasão virtual. Na madrugada desta quinta-feira (23/6), uma série de tuítes foi publicado no perfil oficial da companhia: “Olá, Fast Shop Admin, nas últimas 72 horas, o TI da Fast Shop e o sistema cloud sofreram um ataque de extorsão”, diz a publicação. “Obtivemos acesso a alguns terabytes de seus dados do VCenter e vários serviços em nuvem: AWS, Azure, IBM e Gitlab”.



Os hackers orientaram a companhia a entrar em contato pelo Telegram para uma possível negociação. No Twitter,  a marca anunciou o fechamento de todas as lojas até domingo (26/6) e o adiamento de todos os pedidos até 27 de junho.


Por meio de nota a Fast Shop informa que identificou uma tentativa de acesso não autorizado aos sistemas da companhia.

"Como forma de prevenção, a empresa acionou os protocolos de segurança, e por este motivo, o site e o app ficaram temporariamente indisponíveis, porém já se encontram restabelecidos e funcionando normalmente. Ressaltamos que todas as lojas continuam abertas e operando regularmente em todo país. Salientamos que toda a base de informações da empresa está sob rígidos processos de segurança e não houve evidências de danos aos dados de nossos clientes."


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade