Publicidade

Estado de Minas 'GENTE DE CONFIANÇA'

Bolsonaro faz afagos a Guedes: um dos mais importantes nas lutas do governo

Ministro da Economia, por sua vez, não concede declarações à imprensa desde o anúncio da troca da presidência da Petrobras


23/02/2021 18:15

Bolsonaro ressaltou 'galhardia' de Guedes no trato tanto a 'amigos' quanto 'opositores'(foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Bolsonaro ressaltou 'galhardia' de Guedes no trato tanto a 'amigos' quanto 'opositores' (foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
O presidente Jair Bolsonaro fez afagos nesta terça-feira (23/2) ao ministro da Economia, Paulo Guedes. Segundo o chefe do Executivo, o ‘Posto Ipiranga’ é um dos homens mais importantes nas lutas do governo federal. A declaração ocorreu durante solenidade de lançamento da Agenda Prefeito + Brasil, no Palácio do Planalto. O mandatário relatou ainda que por ser o cuidador das finanças, Guedes ‘tem amigos e opositores, mas a todos tratou com muita galhardia’. O ministro não concede declarações à imprensa desde o anúncio da troca da presidência da Petrobras.

“Nós devemos contar com meios e o que é mais importante, com gente de confiança ao nosso lado. Vivemos um momento muito difícil o ano passado e eu, aqui, pude contar com um grupo inicialmente de 22 e depois de 23 ministros para levar avante propostas e meios para bem atendê-los. E uma das pessoas mais importantes nessa luta foi o senhor ministro Paulo Guedes que, obviamente, por ser um homem que decide as finanças do governo, ele tem amigos e opositores, mas a todos tratou com muita galhardia”, elogiou.

Pronampe

O chefe do Executivo reforçou que é necessário melhorar o cenário econômico para vencer a covid-10 e enalteceu o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe). "Nós precisamos da economia para vencer a pandemia, sempre disse lá atrás que tínhamos dois problemas pela frente: o vírus e o desemprego. E, Paulo Guedes, muito bem assessorado, como no caso específico do Pronampe, pelo nosso senador Jorginho Mello de Santa Catarina, fez um dos mais brilhantes projetos numa situação que ninguém podia esperar, mas nós todos, como a vida é passageira, devíamos enfrentar", completou.

O presidente também comemorou a alta de 10% nas ações da Petrobras e alegou que não possui briga com a estatal. Mais cedo, Bolsonaro afirmou que tem muita coisa errada na Petrobras e que o novo indicado, o general Joaquim Silva e Luna, vai “dar um jeito lá”.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade