UAI
Publicidade

Estado de Minas REVELAÇÃO

Para se controlar no ringue, Mike Tyson fazia sexo com fãs antes das lutas

A informação foi revelada por um amigo do lutador, que afirmava que o ato o ajudava a não matar o componente durante a luta


24/11/2021 15:07 - atualizado 24/11/2021 16:39

Mike Tyson
Mike Tyson fazia sexo com fãs antes das lutas para aliviar o estresse (foto: Daily Post/Reprodução )
Aposentado desde 2005, o famoso boxeador norte-americano,  Mike Tyson, segue sob os holofotes do mundo esportivo. Desta vez, uma revelação de um amigo e ex-motorista do lutador, Rudy Gonzalez, trouxe a público um hábito, até então, desconhecido pelos fãs do atleta. 

Durante sua trajetória dentro dos ringues, Tyson fazia sexo com fãs para controlar a fúria no momento da luta. Segundo o ex-motorista, ele dizia ‘Se eu não transar, vou matar esse cara agora’". 

Em entrevista ao jornal The Sun, Gonzalez afirmou que o lutador descontava no rival tudo de negativo que sentia ou passava no momento.  

“Eu tinha as meninas escondidas em banheiros e vestiários”, revelou. "Às vezes, ele ficava com elas por um minuto, transava, estalava o pescoço e dizia: ‘Ok, esse cara vai viver esta noite’. 

Supostamente, o sexo o acalmava. “Seu maior medo era matar alguém naquele ringue. Ele sabia que poderia fazer isso", apontou. 

Ansiedade e descontroles 


Além de amigo e motorista, Gonzalez era um dos guarda-costas armados do boxeador. De acordo com ele, Tyson sofria de ansiedade e, por muitas vezes, foi visto pela equipe chorando no vestiário. 

"Ele tinha um problema de ansiedade que o deixava desesperado por não se sentir bom o suficiente ou por não querer estragar tudo", afirmou. 

O caso, no entanto, não é desconhecido pelo público. Recentemente, Tyson expôs em entrevista ao New York Post seu quadro de ansiedade e depressão. 

O atleta aposentado, inclusive, revelou que fuma veneno de sapo para aliviar os sintomas. Segundo ele, a gosma produzida pelo animal ajuda a controlar sua saúde mental. 

"Fiz isso como um desafio. Eu estava usando drogas pesadas como cocaína, então por que não? É outra dimensão. Antes de usar o ‘sapo’, eu estava arrasado. O oponente mais duro que já enfrentei foi eu mesmo", disse Tyson durante a entrevista. 

Vivendo com a ansiedade, ele chegou a engordar 45 quilos, o que o afetou bastante. "Eu tinha baixa autoestima. Pessoas com grandes egos muitas vezes têm baixa autoestima. Usamos nosso ego para disfarçar isso. O ‘sapo’ tira o ego", completou. 

Apesar de pouco usual e ‘alternativo’, a escolha de Tyson aparentemente tem tido sucesso. “Isso me deixou mais criativo e me ajuda a me concentrar. Estou mais presente como empresário", finalizou. O boxeador, hoje com 55 anos, retomou os treinos e luta periodicamente. 
 
* Estagiária sob supervisão da subeditora Ellen Cristie.  


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade