UAI
Publicidade

Estado de Minas MONITORAMENTO

Câmeras flagram saque de carga e 15 pessoas são presas

As prisões aconteceram nas últimas 48 horas na BR-050, depois que a concessionária avisou a PRF sobre a tentativa de furto de mesas de um caminhão tombado


29/03/2022 18:33 - atualizado 29/03/2022 21:08

Vista de rodovia
Imagem de câmeras do momento do saque na BR-050 (foto: Divulgação/ECO 050)
Quinze pessoas foram presas em 48 horas depois de serem flagradas por câmeras de monitoramento saqueando uma carga de mesas e cadeiras de bar na rodovia BR-050. Os objetos eram tirados de uma caminhão que tombou entre Uberlândia e Araguari, no Triângulo Mineiro. Sete veículos ainda foram apreendidos.

Na tarde desta terça-feira (28/3), por meio de imagens das câmeras da concessionária responsável pela BR-050, foi verificado o saque acontecendo com pelos menos seis veículos e 11 pessoas.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi acionada e conseguiu deter a maior parte dos envolvidos. Apenas uma pessoa em uma pick-up saiu do local sem detenção, mas o homem já foi identificado.

O caminhão havia tombado no domingo (27/3) e naquele dia houve tentativa de furto das cadeiras e mesas que eram transportadas. Cinco pessoas e dois veículos acabaram detidos pela PRF, também a partir de acionamento da concessionária. O condutor do caminhão não teve ferimentos graves.
 
reprodução de câmera de segurança de rodovia
Caminhão com máquina agrícola foi apreendido por saque (foto: Divulgação/PRF)
 

“Toda cena de acidente que ocorre na rodovia é monitorada pelo nosso Centro de Controle Operacional (CCO). Quando são observadas movimentações suspeitas, nós comunicamos à PRF por meio de nossa linha direta. Foi o que aconteceu nesse domingo, assim que foram identificadas pessoas saqueando a carga e trazendo riscos aos demais usuários”, afirma o Coordenador de Tráfego da Eco050, Bruno Araújo Silva.

O monitoramento da BR-050 acontece durante 24h por meio de 199 câmeras ativas espalhadas ao longo da rodovia, o que permite identificar não apenas ocorrências policiais em andamento, como também usuários que estejam precisando de socorro médico e mecânico, além de coordenar equipes operacionais.

O policial rodoviário federal Ronaldo Bastos salientou a importância da vigilância, o que cria parceria entre concessionária e a corporação.

“Além de cometer um crime, quem saqueia uma carga coloca em risco os demais motoristas. Na pressa para saquear uma carga, a pessoa fica mais desatenta ao atravessar a pista, o que pode ocasionar atropelamentos e outros tipos de acidentes”, disse.

Entre os veículos detidos estavam caminhonetes e até uma caminhão que já transportava uma máquina agrícola.

Os detidos e a carga recuperada foram encaminhados para Delegacia de Polícia Civil de Araguari.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade