UAI
Publicidade

Estado de Minas LESTE DE MINAS

Polícia prende homem que aplicava o 'golpe do motoboy' no Vale do Aço

O homem estava prestes a aplicar o golpe em uma idosa, quando foi perseguido e imobilizado por algumas pessoas, que o entregaram à Polícia Militar


09/03/2022 11:42 - atualizado 09/03/2022 12:26


Material apreendido
A polícia apreendeu cartões de crédito, maquininhas, dinheiro falso e crachás, que estavam em poder do golpista (foto: Divulgação Polícia Militar de Minas Gerais)
 
A Polícia Militar prendeu nesta quinta-feira (9/3), no centro de Coronel Fabriciano, no Vale do Aço, um homem de 45 anos de idade, acusado de aplicar o “golpe do motoboy”.
 
Esse golpe consiste em fazer ligações para pessoas idosas, informando sobre uma suposta compra com o seu cartão de crédito. A vítima nega a compra, mas o golpista insiste na afirmação acerca da compra, e pede os dados pessoais e bancários da pessoa para confirmar o cancelamento da compra.
 
Em seguida, o golpista informa que a instituição bancária vai enviar um motoboy para recolher o cartão que supostamente foi utilizado para fazer a compra. Assim, o homem ligou para uma mulher de 76 anos de idade, como se fosse funcionário do Banco do Brasil, e disse que alguém teria utilizado o cartão dessa mulher para fazer compras.
 
Depois de contar à mulher uma história fantasiosa, o homem foi à casa dela, onde chegou ostentando um crachá que o identificava como bancário, mas foi recebido pelo filho da mulher, que tratou de espantar o suposto motoboy bancário.
 
Assustado, o homem fugiu, mas foi alcançado por um rapaz de 25 anos, que o imobilizou e, junto com outras pessoas, o manteve imobilizado até a chegada da polícia.
 
Preso, o homem contou aos policiais que veio de São Paulo para ao Vale do Aço, com o objetivo de aplicar esse golpe, prática criminosa que segundo ele rende cerca de R$ 10 mil por semana.
 
Com ele os policiais encontraram duas cédulas de identidade falsificadas, cartões de crédito e maquininhas de cartão, além de crachás funcionais de instituições bancárias. Preso, o homem foi levado à delegacia da Polícia Civil.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade