UAI
Publicidade

Estado de Minas ATAQUE DE FÚRIA

Homem morre após atacar policiais com flechadas, facão e corrente

Episódio na BR-116, em São João do Manhuaçu, teve fim trágico para o homem de 32 anos que atacou policiais, motoristas e motoqueiros


06/12/2021 17:15 - atualizado 06/12/2021 17:38


Flechas caseiras
Um policial militar apresenta as armas usadas pelo homem nos ataques (foto: Polícia Militar Divulgação)
Um homem de 32 anos armado com facão, corrente de ferro, arco e flecha, morreu após atacar dois policiais na manhã desta segunda-feira (06/12), na BR-116, em São João do Manhuaçu, na Zona da Mata. Ele lançou as flechas na direção dos policiais, que tentaram convencer o homem a abandonar as armas. Mas o homem partiu pra cima dos policiais com o facão, teve de ser contido a tiros, e morreu na pista da rodovia.
 
O episódio começou quando o homem atacou pessoas na rodovia BR-116, próximo ao trevo de acesso ao município de Santa Margarida. 
 
A denúncia que chegou à PM dava conta de que um homem caminhava pela rodovia portando uma corrente, um facão, arco e flecha, e já teria investido contra algumas pessoas que passavam pelo local.
 
Duas vítimas desse homem chamaram a polícia para impedir que ele fizesse mais ataques, como havia feito com o carro onde elas estavam. As vítimas, dois homens, contaram aos policiais que o agressor usou uma corrente de ferro para quebrar o para-brisa do automóvel. Uma das vítimas ficou ferida com os estilhaços do vidro que se quebrou.
 
Quando a viatura policial chegou nas proximidades da rodovia, os policiais viram o homem, no meio da pista, ainda de posse das armas brancas que havia usado nos ataques.
Flechas, corrente, facão
Arco, flechas, corrente e facão. As armas usados no ataque e o carro atacado pelo homem (foto: Polícia Militar Divulgação)
 
Quando ele percebeu a aproximação da viatura policial, lançou flechas na direção dos militares, que ainda tentaram convencê-lo a abandonar as armas brancas. Mas os apelos foram em vão, e o homem partiu para cima dos policiais empunhando o facão.
 
Para se defender, os policiais tiveram de disparar na direção do agressor, que tombou na pista, morrendo na hora. Após ação, a Polícia Militar foi informada por algumas pessoas, que o homem, antes de atacar o automóvel e os policiais, havia matado um cachorro com o facão que ele carregava. E havia ameaçado de morte um senhor de 56 anos de idade.
 
Ainda segundo testemunhas, outra vítima desse homem, que estava transitando em uma motocicleta pela rodovia, foi atingida por uma flechada e estava no hospital recebendo atendimento médico. A perícia da Polícia Civil compareceu ao local e logo após realizar a perícia, liberou o corpo do homem para o serviço funerário. A Polícia Civil está investigando as razões que levaram o homem a promover os ataques.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade