UAI
Publicidade

Estado de Minas CAPTAÇÃO DE ÁGUA

Reservatórios da Grande BH se recuperam e atingem 74% da capacidade

Chuvas ajudam reservatórios da Grande BH a se recuperar. No mês passado o volume médio chegou ao mais baixo dos últimos três anos


29/11/2021 09:00 - atualizado 29/11/2021 09:41

Extravasor de água do sistema Serra Azul da Copasa está com 77% da capacidade
Reservatórios do Sistema Paraopeba estão acima de 74%, o mais cheio é Serra Azul, com 77% (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press )
As chuvas elevaram os níveis dos principais reservatórios e pontos de captação de água da Grande BH. O Sistema Paraopeba, por exemplo, opera com 74,8% de sua capacidade, enquanto o Rio das Velhas, que abastece 60% da região, se encontra com vazão de 32,6 metros cúbicos por segundo (m3/s), sendo que na seca chegou a 9 m3/s. A informação é da Copasa.

Novembro de 2021 tem sido abundante em termos de chuvas para o Rio das Velhas, que já acumula 248,2 milímetros, superior ao mesmo período do ano passado, quando se computou 153,7 mm e mais elevado até do que a média histórica que é de 244 mm.

O reservatório mais cheio é o de Serra Azul, que já atinge 77,9% de sua capacidade, seguido por Rio manso, com 74,1% e Vargem das Flores, com 70,7%. O Rio das velhas chegou a registrar vazão de 45,9 m3/s no último sábado.

No mês passado, os reservatórios do Sistema Paraopeba chegaram a 68,9%, o índice mais baixo desde julho de 2018, quando foi registrado 68,5%, segundo a Copasa. Em maio de 2021 as represas chegaram a registrar 100% de capacidade.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade