UAI
Publicidade

Estado de Minas OCORRÊNCIA POLICIAL

Confusão em posto de gasolina acaba com agressor baleado dentro de hospital

PM atira em homem levado para o Hospital João XXIII após agredir gerente de posto que se recusou a encher galão sem selo do Inmetro


14/11/2021 15:22 - atualizado 15/11/2021 12:17

Fachada do Hospital João XXIII
Ferido após agredir gerente de posto, homem foi levado para o Hospital João XXIII (foto: Jair Amaral/EM/D.A press)
Um homem de 33 anos, aparentemente, se envolveu em uma briga em um posto de gasolina localizado na Avenida Cristiano Machado, Bairro Cidade Nova, Região Nordeste de BH, na madrugada deste domingo (14/11). Ferido, o homem foi levado para o Hospital João XXIII, onde entrou em atrito com um sargento da Polícia Militar, que reagiu com um tiro.
 
De acordo com o Boletim de Ocorrência, o caso começou quando o homem foi até o posto, acopanhando de um outro mais velho, para abastecer um galão de plástico. O subgerente do estabelecimento informou que não seria possível por causa da falta do selo do Inmetro no recipiente.

Nesse momento, segundo relato de testemunhas, o homem começou a agredir com socos o subgerente, que, na tentativa de se desvencilhar, se escondeu no vestiário do local. O cliente, então, deu socos na porta de vidro, sofrendo vários cortes e arranhões. 


 
O homem ameaçou o subgerente dizendo que se continuasse vivo voltaria ao posto para matá-lo. De acordo com a Polícia Militar, frentistas chamaram uma viatura que fazia patrulha do bairro.

Ainda segundo a PM, enquanto esperava atendimento no pronto-socorro do hospital, o homem fez novas ameaças aos policiais e, em dado momento, deu uma cabeçada no nariz do sargento que acompanhava a ocorrência.
 
Segundo o BO, o militar sacou a arma e deu ordem de parada ao agressor, que não obedeceu e continuou vindo em direção ao agente de segurança. O sargento disse que foi "encurralado pelo suspeito contra a parede", e disparou um tiro, que atravessou o braço do homem e o atingiu no abdômen. 

O agressor foi então atendido pelos médicos e precisou passar por uma cirurgia no braço e no abdômen. Ainda de acordo a PM, o homem segue internado no João XVIII. 



 






receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade