UAI
Publicidade

Estado de Minas LESTE DE MINAS

Carreta carregada de polietileno tomba na BR-116, em Santa Bárbara do Leste

Acidente aconteceu por volta de 3h da madrugada desta terça-feira (19/10), na Serra do sabão, em Santa Bárbara do Leste. Motorista teve escoriações leves


19/10/2021 10:16 - atualizado 19/10/2021 11:14

Carreta tombada no acostamento da BR-116, carregada de polietileno
A carreta tombou no acostamento da BR-116, carregada de polietileno (foto: Reprodução Super Canal)
 
Uma carreta carregada de polietileno tombou no acostamento da BR-116, próximo a Santa Bárbara do Leste. Chovia na hora do acidente, ocorrido por volta de 3h da madrugada desta terça-feira (19/10).

O Grupo de Resgate União, de Santa Bárbara do Leste foi ao local do acidente, atendendo ao chamado de um motorista, que pediu socorro para o colega que estava com a carreta tombada.
 
Erenaldo Ferreira, do Resgate União, informou que o motorista da carreta estava em um posto de combustível, na cidade de Santa Bárbara do Leste, e contou a ele que sua carreta havia tombado 10 quilômetros antes de Santa Bárbara. Ele não soube explicar o que poderia ter ocasionado o acidente.
 
"Um motorista nos disse que seu colega, o motorista da carreta acidentada, se encontrava em um posto de combustível na cidade de Santa Bárbara do Leste. Nossa equipe se deslocou até o local. Lá, ele confirmou que havia tombado a carreta a 10 quilômetros deste posto”, explicou.
 
O resgate se deslocou até o local do acidente e encontrou a carreta tombada próximo à Curva do Sabão. O local é perigoso e, segundo o motorista da carreta, ele transitava normalmente pela rodovia, quando o veículo saiu da pista.
 
“Ele não soube explicar o motivo de a carreta ter saído da pista, mas, provavelmente pode ter sido uma sonolência ao volante o fator que ocasionou o tombamento deste veículo", explicou o socorrista.
 
Segundo o socorrista, o motorista da carreta teve pequenas escoriações no braço. "Ele estava bem, orientado, mas muito sonolento. Tinha escoriações fracas no braço e não quis ser conduzido para atendimento médico. Ele ficou no posto de combustível para descansar”, disse Erenaldo, que também acionou a Polícia Rodoviária Federal e a empresa responsável pela carga.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade