UAI
Publicidade

Estado de Minas ALERTA

BH deve ter céu nublado e pancadas de chuva nesta sexta-feira (15/10)

Previsão é de nebulosidade e chuva também para outras regiões de Minas; confira


14/10/2021 16:30 - atualizado 14/10/2021 17:01

Céu nublado em BH
BH deve ter céu nublado, com possibilidade de pancadas de chuva nesta sexta-feira (15/10) (foto: Jair Amaral/EM/D.A Press)


Belo Horizonte enfrentou  um longo período de tempo seco e com baixa umidade do ar . Porém, no fim de setembro a chuva voltou e deve permanecer nos próximos dias tanto na capital quanto em várias regiões do estado. 

 

 


Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão para esta sexta-feira (15/10) é de céu parcialmente nublado a nublado, com pancadas de chuva e trovoadas, principalmente à tarde e à noite na capital. A temperatura mínima deve ser de 17 °C e a máxima de 28 °C. 

Já em Minas, amanhã o dia será de céu nublado com pancadas de chuva e trovoadas isoladas nas regiões Norte, Noroeste, Central, Triângulo, Alto Paranaíba, Oeste e Sul-Sudoeste. 

No Campo das Vertentes e na Zona da Mata, a previsão é de céu parcialmente nublado a nublado. Nas outras áreas, o céu deve ficar parcialmente nublado com possibilidade de chuva isolada. 

“A partir de amanhã, há condição de chuva em todo o estado. A mínima é de 12 °C, em ligeira elevação, prevista para o Sul de Minas e a máxima é de 36 °C, estável, prevista para o Norte do estado”, explica a meteorologista Anete Fernandes, do Inmet. 


Fim de semana chuvoso


A previsão de tempo nublado com possibilidade de chuva deve continuar para o fim de semana, de acordo com a meteorologista. 

“As pancadas de chuva persistem, com muita nebulosidade. O céu deve ficar nublado com possibilidade de pancadas de chuva na capital, no decorrer do fim de semana. O aumento da nebulosidade tende a reduzir a temperatura máxima.” 

No estado, o sábado deve ser de céu nublado a encoberto, com pancadas de chuva e trovoadas, nas Regiões Noroeste, Central, Triângulo, Alto Paranaíba, Oeste, Sul-Sudoeste, Campo das Vertentes, Zona da Mata e Metropolitana. No restante do estado, a previsão é de céu nublado, com pancadas de chuva e trovoadas isoladas. 

“Devemos ter um sábado mais chuvoso no Centro-Sul e Oeste e pancadas de chuva, principalmente à tarde e à noite, no restante do estado. No domingo, podemos ter momentos de abertura, mas ainda tem condições de pancadas de chuva no Triângulo, Sul, Campo das Vertentes, Zona da Mata, Rio Doce, Mucuri, Jequitinhonha e na Região Metropolitana”, afirma Anete. 

Segundo ela, a condição de tempo mais instável persiste, com chuva em quase todo o estado até o domingo. Já nas regiões Norte e Noroeste do estado, a condição melhora. 

Alerta amarelo


O Inmet emitiu alerta válido até às 11h de amanhã para o risco de chuvas intensas em regiões diversas do estado. Segundo o instituto, as condições atmosféricas são favoráveis para ocorrência de pancadas de chuva entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, com ventos intensos (40-60 km/h).
 
"Baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas", complementa o alerta. Ao todo, mais de 150 municípios estão contemplados no alerta amarelo, de perigo potencial, do Inmet (veja a lista  aqui ).
 
“Hoje temos condição de chuva intensa, podendo chegar a 100 mm, em 24 horas, e rajadas de vento intensa para a região do Triângulo Mineiro. Também temos condições de chuva de até 50 mm, em 24 horas, para as regiões Noroeste, Central e Sul. Na capital, Zona da Mata e Campo das Vertentes, a partir da noite, existe a condição de pancadas de chuva”, afirma a meteorologista. 

“A tendência é que amanhã, ainda possam acontecer pancadas, mas com volume não tão acentuado de chuva. Já no final de semana, esperamos um grande volume de chuva para o estado.”  
 

Fique de olho nas orientações do instituto:


  • Em caso de rajadas de vento: (não se abrigue debaixo de árvores, pois há leve risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda).
  • Evite usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.
  • Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).
* Estagiária sob supervisão da subeditora Ellen Cristie. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade