Publicidade

Estado de Minas MESMO COM UTI PÚBLICA LOTADA

Uberaba libera cultos religiosos sem duração determinada, mas até às 23h

Além disso, o novo decreto flexibilizou os horários dos cinemas, do ParCão e do trenzinho infantil; em julho mortes causadas pela doença caíram cerca de 50%


02/08/2021 20:50 - atualizado 02/08/2021 21:11

Apesar de registrar queda de óbitos em julho, Uberaba tem ocupação máxima de UTI pública para COVID(foto: Prefeitura de Uberaba/Divulgação)
Apesar de registrar queda de óbitos em julho, Uberaba tem ocupação máxima de UTI pública para COVID (foto: Prefeitura de Uberaba/Divulgação)
A Prefeitura de Uberaba, no Triângulo Mineiro, anunciou um pacote de flexibilizações. A gestão municipal liberou as celebrações religiosas sem limite de duração, anteriormente permitida de até uma hora. Também foi ampliado o horário de funcionamento de cinemas, ParCão e trenzinho infantil. 
 
O novo decreto foi publicado na sexta-feira (30/8) após a cidade registrar, em julho, uma queda de 50% no número das mortes causadas pela COVID-19 em comparação ao mês anterior.  As mudanças entraram em vigor no sábado (31/7).
 
As celebrações religiosas agora podem ter qualquer duração, desde que acabem antes das 23h. Mesmo horário limite para o funcionamento de cinemas, que ganharam 60 minutos em relação ao decreto anterior. 
 
O ParCão também teve o horário ampliado. A área destinada para a recreação canina, localizada na praça Pôr do Sol, funciona agora de segunda a sexta, até às 21h, e no sábado e domingo, até às 18h. Esses mesmos horários serão seguidos pelo Parque das Acácias (Piscinão), Parque das Barrigudas e Mirante.
 
Já os trenzinhos poderão circular todos os dias da semana até às 22h.
 

Queda nos óbitos, mas UTI pública lotada

 
No mês de julho, em Uberaba, os óbitos causados pela COVID-19 caíram cerca de 50%. Foram registradas 72 mortes, contra 134 em junho. Em maio, foram contabilizados 224 óbitos e, em abril, o mês mais letal, 240.
 
Outra queda registrada em julho no município foi com relação aos novos casos da doença: 3.309. Em junho, foram 3.927; maio, 5.351 (o mês com mais casos positivos); e, em abril, 4.847 novos casos.
 
Por outro lado, a ocupação da UTI pública de Uberaba voltou a ficar preocupantes nos últimos dias após leve redução durante grande parte do mês de julho.
 
Segundo o último boletim epidemiológico, divulgado na noite desta segunda-feira (2/8), de 60 leitos disponíveis, 60 estão ocupados. A ocupação desta ala do setor privado registra a ocupação de 24 dos 43 leitos disponíveis.
 

Vacinação em Uberaba 

 
Segundo o superintendente da Regional de Saúde Triângulo Sul, Maurício Ferreira, novas doses de vacina contra a COVID-19, referentes à 32ª remessa para região, devem chegar ao aeroporto de Uberaba no início da tarde desta terça-feira (3/8).
 
De acordo com o Vacinômetro, o município já recebeu 260.606 doses da vacina contra a COVID-19, sendo aplicadas 249.8555. Do total, 185.688 tomaram a primeira dose, enquanto 56.265 receberam as duas - e 7.902 foram imunizados com dose única 
  
Desde o início da pandemia, a cidade do Triângulo registrou 36.822 casos positivos da doença, sendo que 1.212 pessoas morreram. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade