Publicidade

Estado de Minas DO TERCEIRO ANDAR

Encurralado, casal pula da janela de apartamento para escapar de incêndio

As vítimas sofreram lesões nas pernas e na altura do quadril


01/08/2021 14:05 - atualizado 01/08/2021 14:40

O incêndio começou na sala, onde havia três sofás e um colchão(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
O incêndio começou na sala, onde havia três sofás e um colchão (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Um homem e uma mulher pularam do terceiro andar de um prédio para escapar de um incêndio em Cláudio, Região Centro-Oeste de Minas Gerais. Encurralados na cozinha do apartamento, que estava em chamas, eles se jogaram da janela. De acordo com o Corpo de Bombeiros, as vítimas sofreram ferimentos nas pernas e altura do quadril, mas não correm risco de morrer.

 

O fogo se alastrou rapidamente pelo apartamento 302 de um condomínio de prédios na Rua Rio das Velhas, Bairro Serra Verde. "Supostamente, o incêndio teria começado na sala, onde havia um colchão no chão e mais três sofás grandes, ou seja, muito material combustível", relata à reportagem o 1º sargento Leandro Corrêa.

As vítimas correram primeiro para a cozinha, onde ficaram ilhados, sem conseguir acessar a porta do apartamento. Para que não fossem alcançados pelas chamas, decidiram pular pela janela e caíram no gramado de um talude.

 

Os vizinhos conseguiram apagar o fogo usando extintores de incêndio(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Os vizinhos conseguiram apagar o fogo usando extintores de incêndio (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
 

 

Quando o sargento Leandro chegou ao local, o fogo já havia sido extinto. Vizinhos usaram extintores de incêndio para combater as chamas e um grupo de cinco voluntários da Defesa Civil de Cláudio fizeram o rescaldo usando água.

O homem e a mulher estavam conscientes durante o resgate do Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (Samu) e reclamaram de dores nas pernas e na altura do quadril. Ambos foram levados para a Santa Casa de Cláudio.

 

Quatro crianças e a mãe delas que moram no andar de cima inalaram fumaça e também tiveram que receber atendimento médico.

A perícia da Polícia Civil esteve no local.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade