Publicidade

Estado de Minas CRIME

Família é presa suspeita de integrar organização criminosa

Filhos, sobrinhos e até a mãe do líder do grupo faziam parte da organização especializada no tráfico de drogas


23/07/2021 22:07 - atualizado 23/07/2021 22:07

Dez pessoas foram presas suspeitas de integrar uma organização criminosa em Curvelo(foto: Polícia Civil)
Dez pessoas foram presas suspeitas de integrar uma organização criminosa em Curvelo (foto: Polícia Civil)
Na manhã desta sexta-feira (23/7), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), prendeu dez suspeitos de integrar uma organização criminosa especializada no tráfico de drogas, em Curvelo, Região Central de Minas.
 
Na ação, foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão e bloqueadas quatro contas bancárias. O grupo era composto por familiares do líder da organização, dentre filhos, sobrinhos e a própria mãe. 
 
De acordo com a PCMG, as investigações duraram cerca de seis meses e, segundo apurado, os suspeitos concentravam a atuação no Bairro Bom Jesus, em Curvelo, e em Sete Lagoas, Região Central do estado. 
 
Sete Lagoas também foi alvo da operação, onde os suspeitos agiam no fornecimento de drogas e lavagem de dinheiro.
 
As apurações indicam que o líder da organização criminosa recrutava adolescentes, emitia ordens de distribuição de drogas e pagamento de fornecedores, e ainda mandava os jovens executarem desafetos, com o uso de extrema violência, inclusive com a utilização de armas de fogo.
 
O grupo ainda é suspeito de ter vínculos com uma facção criminosa do Rio de Janeiro.
 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade