Publicidade

Estado de Minas CORONAVÍRUS

Araxá não seguirá nova onda vermelha, mas mantém toque de recolher

Cidade não segue o programa Minas Consciente. Decreto municipal permite o funcionamento de academias, bares, clubes e salões de beleza


04/06/2021 15:54 - atualizado 04/06/2021 16:21

Desde o início da pandemia, Araxá não segue o Minas Consciente. Cidade de cerca de 110 mil habitantes já registrou 177 mortes(foto: Prefeitura de Araxá/Divulgação)
Desde o início da pandemia, Araxá não segue o Minas Consciente. Cidade de cerca de 110 mil habitantes já registrou 177 mortes (foto: Prefeitura de Araxá/Divulgação)
A Prefeitura de Araxá informou nesta sexta-feira (4/6) que não vai seguir nenhuma das novas restrições da onda vermelha estabelecidas nesta quinta-feira (3/6) pelo governo de Minas Gerais para o Triângulo Sul, já que o município não aderiu ao Minas Consciente desde o início da pandemia do novo coronavírus. A adesão ao programa estadual é opcional. Por outro lado, a onda roxa do programa é impositiva aos municípios.

Segundo nota divulgada por sua assessoria de imprensa, as medidas de restrições impostas no atual decreto municipal, publicado no último sábado (29/5), continuam integralmente em vigor até o próximo dia 9 de junho, podendo ser prorrogável por mais 10 dias.
 
Entre as medidas do atual decreto de Araxá está o toque de recolher entre 21h e 5h, sendo que os estabelecimentos comerciais podem ficar abertos até às 20h.
 
Além disso, o novo decreto suspendeu a volta às aulas presenciais (previstas para rede privada na próxima terça-feira, 1º/6, e rede pública em 1° de julho), proibiu reuniões com mais de 9 pessoas e o consumo de bebidas alcoólicas em qualquer estabelecimento, sob pena de multa.
 
O funcionamento do comércio não essencial de Araxá segue normalmente, assim como cultos religiosos com até no máximo 30 pessoas.

Aumento de casos de COVID-19 

Ainda de acordo com a prefeitura de Araxá, o atual decreto municipal foi determinado devido ao aumento de novos casos diários da COVID-19, taxa de ocupação de leitos de UTI/COVID em 100% e, até mesmo, a preocupação com uma 3ª onda da doença com novas variantes.
 
Segundo o último boletim epidemiológico da COVID-19, em Araxá, a ocupação de leitos de UTI/COVID da Hospital Santa Casa de Misericórdia, o único da cidade e de sua microrregião que atende pacientes com a doença, está em 100%, ou seja, todos os seus 20 leitos disponíveis estão ocupados – 14 pacientes de Araxá, dois de Ibiá, dois de Pedrinópolis, um de Perdizes e um de Campos Altos. 
 
Já ocupação dos leitos de enfermaria/COVID do hospital está em 65%. Dos 26 leitos disponíveis, 17 estão ocupados. Entre os pacientes, 14 são de Araxá e dois de Ibiá.
 
Desde o início da pandemia, foram registrados 11.450 casos positivos da COVID-19 em Araxá, sendo que destes, 177 pessoas morreram e 9.907 se recuperaram.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade