Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Araxá lança programa de auxílio emergencial para famílias carentes

O subsídio mensal varia de R$ 140,00 a R$ 200,00, a partir de critérios estabelecidos pela prefeitura


30/04/2021 19:38 - atualizado 30/04/2021 20:38

O Programa Renda Básica prevê, inicialmente, que as famílias que preencherem os requisitos serão contempladas por um ano(foto: Prefeitura de Araxá/Divulgação)
O Programa Renda Básica prevê, inicialmente, que as famílias que preencherem os requisitos serão contempladas por um ano (foto: Prefeitura de Araxá/Divulgação)
Diante do aumento da vulnerabilidade social causada pela pandemia da COVID-19, a Prefeitura de Araxá lançou, nesta sexta-feira (30/4), o Programa Renda Básica.

O benefício vai garantir uma complementação mensal para cerca de 4 mil famílias que estão em situação de pobreza no município: R$ 140,00 para famílias que tenham apenas um filho ou dependente; R$ 170,00 para aquelas que tenham dois filhos ou dependentes; e R$ 200,00 para as que tenham três ou mais filhos ou dependentes, a partir de critérios estabelecidos. 
 
De acordo com a Prefeitura de Araxá, a ação prevê que as famílias que preencherem os requisitos serão contempladas por 12 meses, podendo o benefício ser prorrogado de acordo com a situação de renda familiar. 
 
A secretária municipal de Ação Social, Cristiane Gonçalves, explicou que o Programa Renda Básica vai priorizar aquela família que já está cadastrada em programas de assistência social.

“Além disso, também para aquelas famílias com maior número de membros, com crianças de 0 a 6 anos, famílias as quais o chefe for idoso ou mulheres, famílias que têm crianças sob medida de proteção especial ou adolescentes cumprindo medidas socioeducativas e, ainda, para aquelas em que há alguém que é portador de deficiência ou doenças graves, que impossibilitam promover o próprio sustento”, contou. 
 
Mais informações sobre quais são os critérios para participar do Renda Básica e também para se cadastrar no benefício basta acessar o site www.araxarendabasica.com.br ou entrar em contato com algum Núcleo de Convivência ou o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) da cidade.  
 

Só resta um leito de UTI para pacientes com COVID em Araxá

Segundo o último boletim epidemiológico da COVID-19 em Araxá, divulgado no final da tarde desta sexta-feira (30/4), dos 20 leitos de UTI/COVID da Santa Casa de Misericórdia, único hospital da cidade e de sua microrregião que atende pacientes com a doença, 19 estão ocupados, com nove pacientes de Araxá, cinco de Santa Juliana, quatro de Ibiá e um de Pedrinópolis.
 
 Já a taxa de ocupação dos leitos de enfermaria/COVID em Araxá está em 38%, ou seja, dos 26 leitos disponíveis, 10 estão ocupados. Entre os pacientes, dois de Araxá, três de Perdizes, quatro de Ibiá e um de Pedrinópolis.
 
 Desde o início da pandemia, foram contabilizados em Araxá  8.754 casos positivos da doença, sendo que destes 137 pessoas morreram, 8.194 estão recuperadas e 423 estão em recuperação.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade