Publicidade

Estado de Minas AGLOMERAÇÃO

Guarda Municipal interrompe baile funk em sítio em Nova Lima

Para não divulgar endereço do evento, organização montou ponto de encontro com seguranças para que participantes deixassem o carro e seguissem de van


17/04/2021 11:25 - atualizado 17/04/2021 17:12

(foto: Guarda Municipal/Divulgação)
(foto: Guarda Municipal/Divulgação)
A Guarda Municipal de Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), interrompeu na noite dessa sexta-feira o funcionamento de um baile funk que reuniu de 300 a 400 pessoas em um sítio alugado no Bairro Estância Estoril 2.

No momento da realização da festa, o município ainda estava com as restrições da Onda Roxa, a mais severa decretada pelo governo estadual para conter a disseminação da COVID-19. Mesmo hoje, quando a Onda Vermelha passou a vigorar na cidade, os eventos podem reunir no máximo 30 pessoas, ainda assim com a adoção de alguns protocolos sanitários.

O que surpreendeu os agentes municipais foi a organização do evento. A divulgação do baile funk foi feita por meio das redes sociais, mas sem identificar o local. O ingresso para o evento custava R$ 60. Ciente de que o evento aconteceria, a Guarda Municipal ficou atenta quanto à movimentação e aglomeração de pessoas, assim como as denúncias.

(foto: GM.Divulgação)
(foto: GM.Divulgação)
Inicialmente, os agentes municipais descobriram uma espécie de ponto de encontro onde os participantes estavam deixando os carros e seguindo de van para o baile, medida tomada para dificultar a localização do evento. Quando os seguranças desse ponto de encontro perceberam a presença da Guarda Municipal, comunicaram para que as vans não voltassem. Ao mesmo tempo, os organizadores orientaram os participantes a irem direto para o sítio, divulgando a localização.

A partir daí a Guarda descobriu o local do baile funk clandestino. Chegando lá, se depararam com a uma aglomeração de 300 a 400 pessoas, sem nenhuma preocupação com os protocolos sanitários. Logo que o organizador do evento foi identificados, ao microfone ele pediu para que os participantes fossem se dispersando do local. De acordo com a Guarda Municipal, o registro de ocorrência será encaminhado ao secretário da Fazenda de Nova Lima, responsável pelo encaminhamento do caso.

 

(foto: Soraia Piva/EM/D.A press)
(foto: Soraia Piva/EM/D.A press)
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade