Publicidade

Estado de Minas 'FLIGHT LEVEL'

PF faz operação contra tráfico de drogas em aviões em Minas e três estados

Mandados são cumpridos em BH, Lagoa Santa, Rio de Janeiro, São Paulo e Goiânia. Veículos e aeronaves foram apreendidos


12/04/2021 08:19 - atualizado 12/04/2021 10:08

Policiais federais apreenderam aeronaves dos investigados(foto: Polícia Federal/Divulgação)
Policiais federais apreenderam aeronaves dos investigados (foto: Polícia Federal/Divulgação)

Noventa policiais federais estão nas ruas em Minas Gerais e outros três estados em uma operação contra o tráfico internacional de drogas, organização criminosa e lavagem de dinheiro. A chamada operação “Flight Level” foi desencadeada na madrugada desta segunda-feira (12/4) e, ao todo, são cumpridos 22 mandados judiciais. 

“As investigações tiveram início após apreensão, no Aeroporto Internacional de Lisboa/Portugal, de um avião executivo brasileiro, que transportava 175 quilos de cocaína em outubro de 2020”, detalha a instituição.



“A Polícia Federal identificou que o avião teria partido de Belo Horizonte/MG e que teria havido participação dos sócios de fato/operadores desse avião em um esquema de transporte de drogas por meio da aviação geral (aviões privados). Foi possível ainda identificar que a organização teria utilizado ‘laranjas’ e ‘fantasmas’ para ocultação dos bens auferidos com a atividade criminosa”, explica a PF.

Nesta segunda (12/4), são cumpridos dois mandados de prisão preventiva, 20 de busca e apreensão, além do bloqueio de contas de 29 pessoas físicas e jurídicas. A Polícia Federal também realiza o sequestro de 15 veículos, cinco imóveis e oito aeronaves. As atividades de seis empresas também foram suspensas. 

Movimentação de policiais federais em hangar no Aeroporto da Pampulha, em BH(foto: Jair Amaral/EM/DA Press)
Movimentação de policiais federais em hangar no Aeroporto da Pampulha, em BH (foto: Jair Amaral/EM/DA Press)


“Apenas com o sequestro dos veículos, das aeronaves e imóveis a Polícia Federal estima um prejuízo de aproximadamente R$ 30 milhões ao crime organizado”, destaca a instituição. 

Os mandados, expedidos pela 11ª Vara Criminal Especializada da Seção Judiciária de Minas Gerais, são cumpridos em Belo Horizonte, Lagoa Santa, Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP) e Goiânia (GO).

Cumprimento de mandado em Lagoa Santa, na Região Metropolitana de BH(foto: Divulgação)
Cumprimento de mandado em Lagoa Santa, na Região Metropolitana de BH (foto: Divulgação)


De acordo com a PF, os investigados vão responder pelos crimes de tráfico internacional de drogas, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Se condenados, podem cumprir até 33 anos de prisão. 

A Polícia Federal deve dar mais detalhes da operação em uma entrevista coletiva ainda nesta manhã. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade