Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Após evento de estudantes de medicina em BH, organizadores pedem desculpas

Apesar de utilizarem máscara de proteção contra a COVID-19, é possível ver em fotos, os jovens se abraçando, um DJ tocando ao fundo e diversos copos de bebida


08/03/2021 18:50 - atualizado 08/03/2021 19:29

O evento, organizado em parceria com a Alliance Produções, foi batizado de 'Sapono Bloco' e teve temática de Carnaval(foto: Instagram/Reprodução)
O evento, organizado em parceria com a Alliance Produções, foi batizado de 'Sapono Bloco' e teve temática de Carnaval (foto: Instagram/Reprodução)
Uma recepção de calouros de medicina da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais (FCMMG), realizada no último sábado (05/03), no Clube Chalezinho, no bairro Buritis, viralizou nas redes sociais. Isso porque os futuros médicos se reuniram no primeiro dia de restrições estabelecidas pelo prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD). 

O evento, organizado em parceria com a Alliance Produções, foi batizado de “Sapono Bloco” e teve temática de carnaval. 



Em entrevista ao Estado de Minas, a comissão responsável pela calourada informou que o evento não se tratou de uma festa. Segundo eles, foi realizada uma entrega de kits durante um circuito unidirecional. A comissão também conta que não houve permanência dentro das dependências do local por mais de 10 minutos.

Ao serem questionados sobre a aglomeração fora do local, onde jovens se reuniram nas ruas e consumiram álcool, a comissão lamentou o ocorrido. 

“Infelizmente, após saírem do trajeto que receberam o kit algumas pessoas se juntaram e ficaram na rua ou outros locais, onde as fotos que viralizaram foram registradas. Quando estavam no nosso campo de visão pedimos para que fossem embora”, explicaram os organizadores. 

A comissão ainda ressaltou que alertou os universitários sobre aglomerações. “Infelizmente, erramos em confiar que as pessoas não se juntariam após a entrega e iam respeitar as medidas restritivas, assim como nós da comissão fizemos antes, durante e depois”, contam.

Os futuros médicos também garantiram que são a favor do isolamento social e as medidas de restrição contra o novo coronavírus.

“Inicialmente gostaríamos de nos retratar, que apesar de termos seguido todas as medidas de segurança estabelecidas pelas entidades de Saúde, pedimos desculpas àqueles que se sentiram ofendidos com a realização da recepção.”


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade