Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

COVID-19: Andradas fecha bares que não vendem refeição e aumenta restrições

Prefeitura também adiantou toque de recolher e proibiu a prática de esportes coletivos; novo decreto passa a valer neste sábado (6/3)


05/03/2021 21:01 - atualizado 05/03/2021 21:56

Prefeita de Andradas grava vídeo para alertar a população(foto: Prefeitura de Andradas/Divulgação)
Prefeita de Andradas grava vídeo para alertar a população (foto: Prefeitura de Andradas/Divulgação)
A Prefeitura de Andradas, no Sul de Minas, publicou um novo decreto com medidas restritivas para conter o avanço da COVID-19. A partir deste sábado (6/3), bares que não vendem refeição serão fechados, o horário do toque de recolher vai ser adiantado em uma hora e a prática de esportes coletivos seguem proibidos.

 

Andradas soma 1.656 casos do novo coronavírus, sendo 38 mortes confirmadas em decorrência da doença. A prefeita da cidade, Margot Pioli, gravou um vídeo para alertar a população.

 

“Há praticamente dois meses, assumimos a prefeitura com a esperança de que 2021 seria um ano muito diferente do que está sendo. Que nós já não teríamos a COVID-19 junto de nós. Mas não tem sido assim. Estamos passando por um momento muito difícil”, disse prefeita.

 

Ela também expôs as ações que a administração tem tomado para tentar frear o avanço da doença na cidade.

 

“Estamos aderindo ao movimento da frente Nacional dos Prefeitos, para acelerar a vacinação. Investimos R$ 110 mil em 4 mil testes. Repassamos quase R$ 523 mil para a Santa Casa reorganizar o Pronto Atendimento para priorizar atendimento do novo coronavírus. Organizamos laboratório de COVID-19 na Policlínica Central. Organizamos 11 leitos exclusivos de COVID-19 para o isolamento de casos moderados ou graves na Santa Casa. Fizemos campanha de conscientização da doença na cidade”, explica.

 

De acordo com a prefeita, mesmo assim, a COVID-19 tem se espalhado, e muitas pessoas ainda não entenderam a real gravidade da doença. "Diante disso, o Comitê de Crise se reuniu na quarta-feira (3/2) para analisar o cenário e elaborar um novo decreto”, completa.

 

Delivery e toque de recolher

O documento foi publicado nesta sexta-feira (5/3) e tem validade a partir deste sábado. A prefeitura decidiu fechar bares, que não vendem refeição. Apenas o sistema delivery poderá funcionar na cidade.

O toque de recolher que estava previsto a partir das 22h, teve adiantamento de uma hora e segue até as 5h do dia seguinte.

 

A prática de esportes coletivos, entre eles, o futebol amador, e a locação de sítios e chácara para festas, independentemente no número de participantes, seguem proibidos.

 

Ainda de acordo com o documento, também haverá a adoção de multas mais rigorosas às instituições bancárias que descumprirem as regras sanitárias de combate à disseminação do novo coronavírus.

 

“O descumprimento do presente decreto sujeitará o infrator às sanções previstas na legislação penal e às medidas administrativas constantes do Decreto n.º 2.129/2020, com exceção do artigo 8º, aplicável exclusivamente aos estabelecimentos bancárias e/ou creditícios”, ressalta.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade