Publicidade

Estado de Minas CONTRA COVID-19

Pedro Leopoldo inaugura drive-thru para vacinar idosos com 90 anos ou mais

Das 632 doses da CoronaVac, 312 serão para os idosos, 108 para os profissinais da saúde do serviço privado e 202 serão destinadas para a segunda dose


12/02/2021 11:12 - atualizado 12/02/2021 17:15

A vacinação nos idosos foram de duas formas: com um sistema drive-thru que foi montado na rua Presidente Kennedy, em frente ao Centro Municipal de Imunização de Pedro Leopoldo e de forma presencial, na casa dos idosos acamados.(foto: Divulgação/Prefeitura de Pedro Leopoldo)
A vacinação nos idosos foram de duas formas: com um sistema drive-thru que foi montado na rua Presidente Kennedy, em frente ao Centro Municipal de Imunização de Pedro Leopoldo e de forma presencial, na casa dos idosos acamados. (foto: Divulgação/Prefeitura de Pedro Leopoldo)
Um sistema drive-thru foi montado na rua Presidente Kennedy, em frente ao Centro Municipal de Imunização de Pedro Leopoldo, Região Metropolitana de Belo Horizonte, para vacinar os idosos com 90 anos ou mais, nesta sexta-feira (12/02).

Idosos que estão acamados com a mesma faixa etária, que estão registrados na Secretaria de Saúde, também receberão a primeira dose em casa. Um mutirão com profissionais do SUS foi montado para atender essa população.
 
De acordo com a Secretaria de Saúde de Pedro Leopoldo, as 632 doses da CoronaVac, desenvolvida pelo Instituto Butantan em parceria com a chinesa Sinovac, fazem parte das 315.600 doses enviadas pelo Ministério da Saúde, que chegaram ao estado no domingo (7/2).
 
(foto: Divulgação/Prefeitura de Pedro leopoldo)
(foto: Divulgação/Prefeitura de Pedro leopoldo)


Desse montante, 312 vacinas serão destinadas aos idosos acima de 90 anos e 108 doses para os profissionais da saúde do serviço privado. As 202 doses restantes serão reservadas para a segunda dose.
 
A distribuição, segundo a Secretaria de Saúde, seguiu a Deliberação publicada pela Secretaria de Saúde de Minas Gerais, (SES-MG) que orientou a destinação das doses. 
 
Nesse sentido, os profissionais de saúde da rede privada que constam no código Brasileiro de Ocupações e no Plano Nacional de Contingência, (CBO), como por exemplo, autônomos e estagiários que prestam serviço à saúde também serão imunizados. A vacinação para esse público começou na quinta-feira (11/02) e o profissional deve apresentar documento que comprove o vínculo ativo na cidade.
 
Uma equipe foi montada pelos profissionais do SUS para ir à casa dos idosos(foto: Divulgação/Prefeitura de Pedro Leopoldo)
Uma equipe foi montada pelos profissionais do SUS para ir à casa dos idosos (foto: Divulgação/Prefeitura de Pedro Leopoldo)
De acordo com a prefeita de Pedro Leopoldo, Eloísa Helena, a Secretaria de Saúde municipal está seguindo todas as determinações do Plano Nacional de Imunização e diretrizes da Secretaria de Saúde de Minas Gerais.
 
“As vacinas estão chegando aos poucos em nosso município, assim como em todo o país. Esperamos que as doses cheguem cada vez mais rápido e em maiores quantidades para que possamos imunizar logo todos os pedroleopoldenses. Estamos todos ansiosos, mas é preciso calma neste momento que logo todos estaremos vacinados!”, disse a prefeita. 
 
As duas primeiras remessas de imunizantes foram destinadas a profissionais da linha de frente do combate à COVID-19 que trabalham na rede pública e idosos que vivem em asilos. Segundo a Secretaria de Saúde, todos eles já estão imunizados. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade