Publicidade

Estado de Minas CONTAGEM

Menina de 12 anos é suspeita de esfaquear o padrasto para defender a mãe

Casal brigou durante a madrugada na casa da família no Bairro Industrial, mas versões sobre o episódio são diferentes. O caso foi encaminhado à Polícia Civil


21/01/2021 07:06 - atualizado 21/01/2021 07:14

Homem foi levado ao Hospital Municipal de Contagem, onde ficou em observação(foto: Fábio Silva/PMC/Divulgação)
Homem foi levado ao Hospital Municipal de Contagem, onde ficou em observação (foto: Fábio Silva/PMC/Divulgação)
 
Uma briga entre um casal acabou envolvendo uma criança de 12 anos na madrugada desta quinta-feira em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com a Polícia Militar (PM), a menina disse que deu uma facada no padrasto para defender a mãe de uma agressão. O caso será apurado pela Polícia Civil. 

O caso ocorreu no início da madrugada, no Bairro Industrial. Segundo a PM, a mulher, que tem 32 anos, contou que o marido, de 40, chegou em casa e começou a consumir drogas perto dos filhos dela, que o repreendeu por isso. Logo em seguida, segundo ela, o homem pegou uma faca e tentou atingi-la. 


À polícia, a menina confirmou a versão da mãe e disse que atingiu o padrasto para defende-la. Ela também disse que ele estava alterado pelo uso de drogas e que, após perceber que ele estava ferido, jogou a faca no chão. 

Já o homem, conforme a PM, deu outra versão para o caso. Ele alega que entrou em atrito com a esposa por ter ele ter chegado em casa depois do horário combinado por eles. O homem diz que a mulher pegou uma faca e de um golpe na direção dele, acertando na altura do peito e causando uma lesão. Ele também afirma que, para se proteger, chegou a segurar a lâmina com a mão esquerda, que ficou ferida.

Os policiais militares chegaram ao local após uma denúncia anônima e encontraram o homem caído no chão. A princípio, ele disse ter sido esfaqueado, mas não contou quem seria o responsável pela agressão. Ele foi levado ao Hospital Municipal de Contagem (HMC), onde ficou em observação. 

O Conselho Tutelar de Contagem acompanhou a ocorrência. A perícia da Polícia Civil esteve no imóvel da família para dar início às apurações. A faca foi apreendida. A ocorrência foi registrada como lesão corporal e encaminhada à delegacia de plantão da cidade. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade