Publicidade

Estado de Minas Campo Belo

'Ignorado' ao devolver celular ao dono, catador de recicláveis ganha festa de aniversário para a filha

Como proprietário do aparelho não teria dito nem um 'obrigado' ao trabalhador, moradores da cidade se sensibilizaram e se uniram para dar uma festa de aniversário à filha do catador


27/11/2020 10:09 - atualizado 27/11/2020 14:52

catador de recicláveis devolve celular encontrado no lixo(foto: Diário Campo Belo/Divulgação)
catador de recicláveis devolve celular encontrado no lixo (foto: Diário Campo Belo/Divulgação)
Um catador de recicláveis de Campo Belo, no Sul de Minas, conseguiu devolver ao dono um celular (Iphone) que havia encontrado no lixo. Entretanto, o homem, proprietário do aparelho, não teria dito nem um ‘obrigado’. Sensibilizados com a situação, o moradores da cidade se uniram para dar uma festa de aniversário para a filha do catador.

 

Fernando Henrique Soares, de 50 anos, conta que antes do dono do aparelho aparecer, outras pessoas chegaram a procurá-lo, mas ele exigiu que a senha fosse colocada no celular. “Só queria entregar ao verdadeiro dono. Teve um que tentou três vezes, mas eu não deixei levar”, disse Fernando.

 

Até que o verdadeiro dono apareceu e, quando resgatou o aparelho, não teria dito nem um ‘obrigado’. “Ele pegou o celular, colocou a senha correta e foi embora”, conta Ferenando.

 

Em seguida, o catador encontrou o pastor Sérgio Luiz Silva, que sempre o ajuda com doações, e contou que havia entregado o aparelho. Sensibilizado por não ter tido nenhum tipo de recompensa ou agradecimento e ao saber que uma das filhas do homem tinha acabado de fazer aniversário e ainda gostaria de ganhar uma boneca, Sérgio resolveu agir.

 

Filha do catador recebe festa de aniversário e dia de princesa(foto: Diário Campo Belo/Divulgação)
Filha do catador recebe festa de aniversário e dia de princesa (foto: Diário Campo Belo/Divulgação)
“Ele falou que tinha devolvido e o cara não tinha nem agradecido. Ele lamentou que a filha tinha acabado de fazer aniversário e tinha até esperanças de ganhar algo para a filha. Eu liguei novamente para uma jornalista da cidade e com ajuda de outros moradores e comerciantes, conseguimos organizar uma festa para a menina”, diz o pastor.

 

Fernando tem dois filhos, Maria Fernanda, de 10 anos, e um menino de 11. Ele é separado da mulher, tem a guarda compartilhada das crianças e vive em uma casa humilde. O trabalhador ainda luta contra um câncer e tem problemas auditivos.

 

O caso ganhou repercussão na cidade. Além da boneca, Maria Fernanda ganhou um dia de princesa, roupas novas e uma festa de aniversário. “Muito obrigada a todos por essa festa”, agradeceu a menina.

 

 

               


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade