Publicidade

Estado de Minas ANIMAIS SILVESTRES

Serpente e tatu são capturados em Ituiutaba e Poços de Caldas

Ambos os animais tinham sido capturados por populares, o que não é recomendado pelo Corpo de Bombeiros


25/11/2020 17:25 - atualizado 25/11/2020 17:37

(foto: CBMMG/Reprodução)
(foto: CBMMG/Reprodução)
Os efeitos dos incêndios em matas e florestas mineiras ainda são sentidos, mesmo com a chegada da chuva. É o que dizem os especialistas, para explicar o grande número de animais silvestres encontrados nas cidades. Nesta quarta-feira (25), mais duas capturas foram registradas: uma cascavel em Ituiutaba e um tatu em Poços de Caldas.


Segundo o boletim de ocorrência do Corpo de Bombeiros, a cascavel media aproximadamente um metro. Depois de examinarem e se certificarem que o animal não tinha qualquer ferimento, ele foi solto numa mata próxima à cidade.

Tatu

Na madrugada desta quarta-feira, o Corpo de Bombeiros recebeu um chamado para ir à Avenida João Pinheiro, na altura do número 100, para capturarem um tatu. Imediatamente, uma guarnição foi enviada ao local.

Quando os bombeiros chegaram, o tatu já tinha sido capturado por populares. Exames constataram que o animal não estava ferido. O tatu foi solto próximo à antiga linha férrea, local conhecido como habitat de tatus. A região é afastada da cidade.

Os bombeiros aproveitaram para orientar os populares. Segundo a corporação, mesmo que pareçam inofensivos, os tatus podem se tornar agressivos em situações nas quais se sintam ameaçados. Também há o risco dos animais se ferirem numa tentativa de captura. Para capturá-los, são necessários técnicas e equipamentos adequados a esse tipo de situação.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade