Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Feira do Mineirinho é interditada no domingo; administração nega

Administração da feira afirma que foi notificada, mas que o local não foi interditado. Diretor ainda afirma serão feitas readequações para abrir na quinta (26)


23/11/2020 15:55 - atualizado 23/11/2020 16:47

Gladyston Rodrigues/EM/D.A. Press(foto: Todas as mesas ficaram ocupadas no dia da reabertura, em 1º de novembro )
Gladyston Rodrigues/EM/D.A. Press (foto: Todas as mesas ficaram ocupadas no dia da reabertura, em 1º de novembro )
A Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) interditou Feira de Artesanato do Mineirinho por descumprimento dos protocolos sanitários nesse domingo (22).

De acordo com a administração municipal, a Fiscalização da Regional da Pampulha foi até o local e os responsáveis pela feira farão um termo de ajustamento de conduta se comprometendo a tomar todas as medidas necessárias para retomar o funcionamento das atividades. A prefeitura não especificou qual/quais foi/foram o/os descumprimento(s). 

O diretor da feira, Willian Martins, explica que a feira cumpre as medidas de segurança. Mas devido ao grande movimento de domingo, teve problemas com a fila. "Não temos controle sobre a fila do lado de fora do local. Mas, acatamos a solicitação da prefeitura e vamos buscar resolver esse problema", disse.

 Ele nega que o local tenha sido interditado e afirmou que a feira funcionou até às 17h. "Nós desligamos o som e dispersamos as pessoas que estavam na fila", disse.

Nas redes sociais, internatutas reclamaram: "Estava na feira e tive que ir embora pois fomos convidados a nos retirar... Fiquei decepcionada", escreveu uma delas. A outra disse: "Estavamos também na praça de alimentação e também ficamos surpresos com o termino da feira."

 

Willian afirma que a capacidade máxima foi respeitada. "Antes da pandemia, nós recebíamos até 4 mil pessoas. Ontem, cumprimos com a capacidade de 600 conforme o protocolo da PBH", acrescentou.

A tradicional feira voltou a funcionar em 1º de novembro.  A feira é realizada às quintas-feiras, das 17h a 0h e, aos domingos, das 8h às 18h.

"Funcionaremos na próxima quinta-feira (26). O que foi solicitado pela prefeitura, será cumprido. Achamos a fiscalização extremamente necessária e buscamos realizar a abertura da forma mais segura possível", concluiu.

 

 

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade