Publicidade

Estado de Minas FOGO

Quatro cegonheiras são incendiadas em Sete Lagoas e Curvelo; veja vídeo

Incêndios podem ter sido criminosos, e polícia investiga suposta disputa relacionada ao valor do frete e transporte de veículos na região


04/11/2020 19:25 - atualizado 04/11/2020 21:03

Os veículos estavam estacionados em postos de combustíveis e alguns motoristas relataram ouvir uma explosão (foto: Reprodução de vídeo)
Os veículos estavam estacionados em postos de combustíveis e alguns motoristas relataram ouvir uma explosão (foto: Reprodução de vídeo)
Quatro cegonheiras foram incendiadas na madrugada desta quarta-feira (4) em Sete Lagoas e Curvelo, cidades localizadas na Região Central de Minas Gerais. A motivação do crime, segundo o Corpo de Bombeiros, pode estar relacionada ao valor do frete e à disputa pela empresa contratada para realização do transporte de veículos. Ao todo, 43 veículos zero quilômetro foram destruídos.

No primeiro deles, em Curvelo, uma cegonheira transportava 11 veículos. O motorista estava estacionado em um posto de gasolina na rodovia MGC-135. O caminhão se encontrava a cerca de 10 metros de uma bomba de combustível e foi tomado pelas chamas.

O condutor informou aos bombeiros que, enquanto descansava na cabine do veículo, avistou duas pessoas fugindo pela rodovia sentido Sete Lagoas. Nesse momento, percebeu um incêndio em um dos veículos, que se alastrava para os demais. Todos ficaram destruídos.

Rapidamente, o motorista conseguiu desacoplar o caminhão da carga, evitando que a boleia fosse incendiada. Ele seguiria para Barreiras, na Bahia. O fogo também destruiu a carga de mais de 100 metros cúbicos de MDF de uma outra carreta estacionada ao lado.

Os bombeiros iniciaram o combate às chamas pela cegonheira devido ao risco de explosão do posto. Mais de 40 mil litros de água foram utilizados para debelar as chamas. Uma empresa disponibilizou uma pá carregadeira para auxiliar no rescaldo, com a remoção da carga de madeira da carroceria.

Segundo ataque


Já no segundo ataque, três carretas cegonheiras foram incendiadas. Os veículos também estavam estacionados em um posto de combustível na BR-040, em Sete Lagoas. Os motoristas disseram que estavam dormindo dentro das cabines dos caminhões na hora do incêndio.

Um deles relatou aos bombeiros que acordou com um estouro semelhante ao lançamento de um coquetel molotov. Ao sair da cabine, deparou-se com as carretas já em chamas. Outro motorista disse que também escutou um barulho e viu uma luz de lanterna pelo retrovisor.



Um terceiro motorista foi acordado pelos companheiros de trabalho e retirado rapidamente do caminhão. Dois condutores conseguiram desengatar os cavalos mecânicos da carreta antes que as chamas se propagassem para as cabines. 

No terceiro caminhão, o fogo avançou com rapidez e as chamas tomaram todo o veículo. Mais dois caminhões que estavam estacionados ao lado das carretas também foram avariados pelo calor das chamas. Um deles teve parte de sua carga destruída e o outro teve pequenas avarias na cabine.

Os bombeiros gastaram cerca de 12 mil litros de água para combater os incêndios e até um caminhão-pipa da Prefeitura de Curvelo foi utilizado. A motivação dos ataques está sendo investigada pela Polícia Civil.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade