Publicidade

Estado de Minas CRIME

Festa na zona rural de Poço Fundo termina com dois assassinados e um ferido

Suspeito estaria esperando as vítimas próximo ao estacionamento; evento foi marcado nas redes sociais e cobrou ingresso de R$ 30


02/11/2020 12:24 - atualizado 02/11/2020 13:19

Festa aconteceu na zona rural de Poço Fundo(foto: Wikipédia/Reprodução)
Festa aconteceu na zona rural de Poço Fundo (foto: Wikipédia/Reprodução)
Dois jovens morreram baleados e outra pessoa ficou ferida durante uma festa na zona rural de Poço Fundo, no Sul de Minas, nesse domingo (1º). O suspeito estaria aguardando as vítimas no estacionamento do sítio. Os jovens, de 18 e 25 anos, foram socorridos, mas morreram no hospital de Machado.

 

De acordo com a Polícia Militar, a festa foi marcada pelas redes sociais e ocorreu em um sítio na divisa de Poço Fundo, Carvalhópolis e Turvolâdia. “Testemunhas relataram que ao chegarem ao sítio havia uma pessoa desconhecida na entrada, responsável pelo recolhimento da quantia de R$ 30 a título de ingresso, e que havia aproximadamente 150 pessoas no local”, diz Polícia Militar.

 

Os jovens (Luiz Eduardo Souza Neves Estevam, de 18, e Rafael Pereira Lopes, de 25) teriam sido atingidos por disparos feitos por um suspeito no estacionamento da festa.

“Quando deslocavam sentido ao estacionamento para adentrarem no veículo que os conduziria, percebeu que havia um indivíduo parado próximo a uma porteira, não sendo possível verificar suas características, tampouco suas vestes, o qual caminhou em sua direção, observando atentamente todos que passavam, dando a entender que aguardava uma pessoa específica, e que ao confirmar a presença das vítimas, sacou uma arma de fogo e efetuou vários disparos, dando início a um tumulto generalizado”, afirma a PM.

 

Luiz Eduardo, de 18 anos, tinha envolvimento com crimes, segundo a PM(foto: Facebook/Reprodução)
Luiz Eduardo, de 18 anos, tinha envolvimento com crimes, segundo a PM (foto: Facebook/Reprodução)
Segundo a polícia, as testemunhas não conseguiram verificar se o homem estava sozinho. Um outro homem, de 27, também foi atingido pelos disparos. “A vítima apresentava um ferimento no punho esquerdo alegando que um dos disparos teria atingido seu relógio, vindo a danificá-lo, ocasionando um pequeno ferimento”, completa a PM.

 

A Perícia da Polícia Civil recolheu um celular danificado. No local não havia sistema de câmeras de vigilância.

“Conseguimos contato telefônico do suposto responsável pelo aluguel do sítio, tendo afirmado que no momento dos disparos estava no local, porém à certa distância, não acrescentando nenhuma informação relevante”, diz.

 

De acordo com a PM, Rafael tinha passagens por tráfico de drogas(foto: Facebook/Reprodução)
De acordo com a PM, Rafael tinha passagens por tráfico de drogas (foto: Facebook/Reprodução)
As vítimas foram enterradas nesta segunda-feira (2), no Cemitério Municipal de Machado.

Ainda de acordo com a polícia, Luiz Eduardo, quando menor tinha envolvimento em homicídio consumado e tentado. Já Rafael tinha passagens por tráfico de drogas, corrupção de menores e direção perigosa.

 

A PM segue atrás do suspeito e a Polícia Civil investiga o caso.

 


 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade