Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

COVID-19: em 10 dias, Santa Rita do Sapucaí registra aumento de mais de 130% nos casos

Cidade saltou de 149 para 343 registros de novo coronavírus; prefeitura inaugurou central de triagem para monitoramento das doenças respiratórias


28/09/2020 19:40 - atualizado 28/09/2020 19:56

Cidade ainda não faz parte do Plano Minas Consciente (foto: Prefeitura de Santa Rita do Sapucaí/Divulgação)
Cidade ainda não faz parte do Plano Minas Consciente (foto: Prefeitura de Santa Rita do Sapucaí/Divulgação)
A Prefeitura de Santa Rita do Sapucaí, no Sul de Minas, está preocupada com o crescente número de casos de COVID-19 na cidade. Em pouco mais de uma semana, o município registrou aumento de 130,2% de registros do novo coronavírus. O município inaugurou uma central de triagem para monitoramento das doenças respiratórias.

 

De acordo com a prefeitura, em 18 de setembro a cidade somava 149 casos de COVID-19. Nesta segunda-feira (28), já são 343 casos confirmados e 13 mortes. O secretário de saúde, Francisco Cássio Gervásio, acredita que a evolução da doença está relacionada a testagem em massa feita pela prefeitura e a falta de responsabilidade da população.

 

“O município, por conta própria, realizou mil testes na população e ainda não recebemos todos os resultados. A outra questão foi o último feriado. Tivemos um grande número de moradores vindo e indo de praias. Além de aglomerações em festas, sítios alugados, contrariando as determinações sanitárias", explica o secretário.

 

Prefeitura pretende controlar e uniformizar atendimentos(foto: Prefeitura de Santa Rita do Sapucaí)
Prefeitura pretende controlar e uniformizar atendimentos (foto: Prefeitura de Santa Rita do Sapucaí)
Para controlar a situação e monitorar as doenças respiratórias, a prefeitura inaugurou uma central de triagem. "A central começou a funcionar hoje para uniformizar os atendimentos", completa.

 

Mas, apesar de todo o trabalho feito na cidade, a colaboração da população é fundamental para evitar o aumento de casos. “O município ainda não faz parte do Plano Minas Consciente. Mas temos decreto municipal com punição. Mas precisamos da colaboração da população em relação a isso", finaliza.

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade