Publicidade

Estado de Minas SEGURANÇA

Novos 'olhos' no combate à criminalidade em Pedro Leopoldo

Câmeras com 'visão' de longo alcance começaram a ser instaladas em pontos estratégicos e também identificarão placas de veículos


11/08/2020 10:10 - atualizado 11/08/2020 11:35

Centro de Monitoramento começou a funcionar nesta segunda-feira(foto: Divulgação/Prefeitura de Pedro Leopoldo)
Centro de Monitoramento começou a funcionar nesta segunda-feira (foto: Divulgação/Prefeitura de Pedro Leopoldo)
 
Além do trabalho das polícias Civil e Militar, da Guarda Civil e de denúncias da população, agora o município de Pedro Leopoldo, localizado na região metropolitana de Belo Horizonte, ganhou o reforço de novos "olhos" para combater a criminalidade. Trata-se das câmeras de alta definição que começam a ser instaladas na cidade e que prometem ‘visão’ de longo alcance. 

Nesta segunda-feira (10), autoridades locais inauguraram o Centro de Monitoramento, que será integrado com a Polícia Militar. A princípio cinco câmeras com tecnologia 2K estão em funcionamento e a promessa da Secretaria Municipal de Segurança é de que em breve outras 25 sejam instaladas, principalmente nas entradas da cidade e em regiões de maior mancha criminal, de acordo com informações passadas pela Polícia Militar à prefeitura.

Os equipamentos, que têm alcance de 360 graus e permitem aproximação das imagens em até três mil metros, também poderão identificar placas de veículos que circularem na cidade. Eles estarão integrados com os sistemas da Polícia Militar e do Detran e todas as imagens ficarão armazenadas por 45 dias para que possam ser utilizadas e consultadas pelas autoridades.

“Os meliantes, principalmente aqueles que vêm de fora, vão pensar duas vezes em vir para Pedro Leopoldo. Às vezes, quando um meliante é preso, ele diz que não estava armado. Mas é no videomonitoramento que iremos buscar as informações para comprovar que ele estava armado sim. Essa ação vai trazer mais qualidade de vida para a população. Vai fazer com que as pessoas desfrutem mais do local público, que é a rua. Nossa intenção é que as câmeras cubram todo o município, de Quinta do Sumidouro até Vera Cruz”, afirmou o prefeito Cristiano Marião (PSD).

A cidade vem conseguindo reduzir os índices de criminalidade nos últimos anos. De acordo com o comandante da 11ª Companhia Independente da PM, tenente-coronel Joilson Fernandes, os crimes violentos – que envolvem estupro, extorsão, roubo, homicídio e sequestro – registraram queda de 34% no ano passado, na comparação com 2018, e 47% no primeiro semestre de 2020.

“As câmeras irão auxiliar na prevenção dos crimes e também para chegar na prisão dos autores, para que eles sejam responsabilizados. Vamos trabalhar em parceria com a Guarda Civil municipal. Essa é mais uma ferramenta para prestar um serviço ainda melhor para a população”, garantiu Fernandes.

Pedro Leopoldo tem aproximadamente 64 mil habitantes e já viveu anos de terror, com altos índices de criminalidade. Em 2016, a cidade chegou a registrar 786 casos de crimes violentos e, no ano passado, teve apenas 292 registros, uma queda de 63%. Nos primeiros seis meses deste ano foram 86 ocorrências, o que mostra que a tendência de queda se mantém.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade