Publicidade

Estado de Minas QUEIMADAS

Com o aumento de incêndios florestais, governo abre contratação para brigadistas

Governo de Minas deu início a ações de prevenção e combate às queimadas após incêndios de grandes proporções, como o que atingiu a Serra do Curral


postado em 06/07/2020 18:07 / atualizado em 06/07/2020 19:26

Houve registro de 56% mais incêndios florestais em maio deste ano em comparação com o mesmo período de 2019 (foto: Semad/Divulgação)
Houve registro de 56% mais incêndios florestais em maio deste ano em comparação com o mesmo período de 2019 (foto: Semad/Divulgação)
Com o aumento no número de incêndios florestais em Minas Gerais e após queimadas de grandes proporções – como a que atingiu a Serra do Curral há pouco mais de uma semana – o governo estadual abriu contratação temporária para profissionais atuarem como brigadistas. Os contratados trabalharão nas unidades de Conservação Estaduais (UCs) de Minas por um período inicial de 100 dias.

Houve registro de 56% mais incêndios florestais em maio deste ano em comparação com o mesmo período de 2019 e ,diante disso, o governo de Minas deu início a ações de prevenção e combate às queimadas.

O Estado divulgou que 265 vagas serão disponibilizadas aos brigadistas, que trabalharão em atividades de prevenção, monitoramento e combate aos incêndios florestais.

Os profissionais deverão cumprir 40 horas semanais com remuneração mensal de R$ 1.358,50, mais auxílio-alimentação e transporte.

A chegada de meses mais secos resulta em um período crítico para incêndios de grandes proporções, e a contratação de brigadistas se torna essencial para aumentar a capacidade do Estado no enfrentamento às queimadas.

De acordo com o diretor de Unidades de Conservação do Instituto Estadual de Florestas (IEF), a partir de junho o número de incêndios se intensifica ainda mais e as ocorrências atingem o pico nos meses de setembro e outubro. 

Como se inscrever


As inscrições devem ser feitas a partir desta quinta-feira (9) pelo site do Instituto Estadual de Florestas. O candidato deve ter no mínimo 18 anos e no máximo 59, com obrigações militares e eleitorais em dia.

O processo seletivo será realizado em três estapas: inscrição, seleção classificatória e comprovação documental. O resultado será divulgado no site do IEF entre os dias 22 e 24 de julho.

O incêndio que atingiu a Serra do Curral, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, no domingo (28 de junho), danificou 50 hectares de vegetação, o equivalente a 70 campos de futebol e pôde ser visto de diversos pontos da cidade. 

O tempo seco e a falta de chuva contribuíram para a propagação do fogo.
 
 
*Estagiária sob supervisão da subeditora Kelen Cristina 

 









receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade