Publicidade

Estado de Minas SEGURANÇA PÚBLICA

Região Centro-Sul de Belo Horizonte chega a 38 dias sem homicídios

Último assassinato foi registrado em 15 de maio. Recorde anterior, segundo o 22º BPM, foi de 34 dias sem mortes, em 2018


postado em 22/06/2020 18:06 / atualizado em 22/06/2020 19:33

Operações preventivas são apontadas como fundamentais para a queda dos números pela Polícia Militar (foto: Polícia Militar/Divulgação)
Operações preventivas são apontadas como fundamentais para a queda dos números pela Polícia Militar (foto: Polícia Militar/Divulgação)
Menos de uma semana depois de registrar a marca de 150 dias sem crimes no Aglomerado Morro das Pedras, o 22º Batalhão de Policia Militar (BPM) destaca outra estatística positiva para a cidade de Belo Horizonte: são 38 dias sem registro de homicídios na região que abrange as comunidades Morro do Papagaio, Morro das Pedras, Pau Comeu, Cabeça de Porco, Serra, Complexo Alto Vera Cruz e Taquaril.
 
Segundo o comandante da unidade, o tenente-coronel Fábio Almeida, o último homicídio foi registrado em 15 de maio. Segundo ele, o recorde anterior foi de 34 dias sem mortes, em 2018.
 
“A gestão orientada por resultados, aliada à Operação Êxodo, desencadeada durante os fins de semana nos aglomerados, com atuação das equipes GEPAR e Tático Móvel nas atividades preventivas e de repressão qualificada, somadas à inteligência policial, que tem o apoio das unidades especializadas do Comando de Policiamento Especial, em parceria com o Ministério Público e Poder Judiciário, além da prisão sistemática dos principais infratores, foram algumas das estratégias que culminaram na relevante marca histórica”, afirma o comandante.
 
Nesse período, somente nessas áreas, a PM contabiliza a apreensão de 37 armas de fogo, prisão em flagrante de 481 autores de crimes, apreensão de 96 menores, sendo 15 por determinação da Justiça, e recaptura de 21 foragidos.
 
Com respeito às drogas, foram apreendidos 8.999 pinos de cocaína, 5.342 barras, buchas e porções de maconha, 4.565 pedras de crack, além de material de refino de drogas.

Também 86 aparelhos celulares roubados foram recuperados e 16 veículos roubados recuperados.

Nesse período, foram apreendidos 8.999 pinos de cocaína, 5.342 barras, buchas e porções de maconha, 4.565 pedras de crack, além de material de refino de drogas (foto: Polícia Militar/Divulgação)
Nesse período, foram apreendidos 8.999 pinos de cocaína, 5.342 barras, buchas e porções de maconha, 4.565 pedras de crack, além de material de refino de drogas (foto: Polícia Militar/Divulgação)
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade