Publicidade

Estado de Minas COVID-19

Prefeitura de Martinho Campos publica decreto de reabertura gradativa do comércio

Atividades comerciais consideradas não essenciais estão suspensas no município desde 20 de março


postado em 05/05/2020 15:38 / atualizado em 05/05/2020 16:31

Templos religiosos estão autorizados a retomarem suas atividades(foto: Reprodução/ Internet)
Templos religiosos estão autorizados a retomarem suas atividades (foto: Reprodução/ Internet)
A prefeitura de Martinho Campos, na Região Centro-Oeste de Minas, anunciou, na tarde desta terça-feira (5), a retomada gradativa e controlada das atividades comerciais na cidade. De acordo com o decreto nº 040/2020, o retorno será permitido se forem respeitadas as orientações de segurança impostas pelo Ministério da Saúde, visando evitar ou diminuir a disseminação e contágio do novo coronavírus (Sars-Cov-2).

Segundo o documento, fica autorizada a reabertura de academias de ginásticas, estabelecimentos de condicionamento físico, clínicas de pilates, lojas de vestuário, calçados, matérias de construção, papelarias, floriculturas, distribuidoras de bebidas, sorveterias, clínicas de estética, salões de beleza, barbearias, igrejas e templos religiosos. Porém, estes estabelecimentos precisam seguir as diretrizes específicas de funcionamento mencionadas no decreto.

Para funcionar, os estabelecimentos precisam afixar cartazes na entrada informando que será permitida a entrada de clientes que estiverem utilizando máscaras e tendo por base uma pessoa a cada 13 metros quadrados. As lojas também serão responsáveis por gerenciar filas do lado externo, garantindo o distanciamento de dois metros entre os fregueses, com marcações na calçada.

Tais medidas de flexibilização do comércio foram analisadas pelo Comitê Municipal de Enfrentamento da COVID-19 e pela Secretaria de Saúde antes de serem autorizadas pela prefeitura. 

De acordo com o informe epidemiológico divulgado, nessa segunda-feira (4), pela Secretaria de Saúde, a cidade registra 14 casos suspeitos de contaminação pelo coronavírus e um óbito, ocorrido no dia 27 de abril.

Ainda segundo o decreto, não estão autorizados a retomar suas atividades comerciais: campos de futebol, quadras esportivas, clubes recreativos, boates, danceterias, salões de danças, casas de festas, feiras, exposições, congressos, parques de diversões, circos, bares, restaurantes, lanchonetes, ressalvados os casos estabelecidos no documento.
 
* Estagiário sob supervisão da subeditora Ellen Cristie.  

O que é o coronavírus?

Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.

Como a COVID-19 é transmitida?

 
A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Como se prevenir?

A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de água e sabão para lavar as mãos ou álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas. Em casa, tome cuidados extras contra a COVID-19.

Quais os sintomas do coronavírus?
Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:
Febre

Tosse
Falta de ar e dificuldade para respirar
Problemas gástricos
Diarreia

 
Em casos graves, as vítimas apresentam:
Pneumonia
Síndrome respiratória aguda severa
Insuficiência renal

Mitos e verdades sobre o vírus

Nas redes sociais, a propagação da COVID-19 espalhou também boatos sobre como o coronavírus é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: O álcool em gel é capaz de matar o vírus? O coronavírus é letal em um nível preocupante? Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? Fizemos uma reportagem com um médico especialista em infectologia e ele explica todos os mitos e verdades sobre o coronavírus.

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também:
 
Coronavírus é pandemia. Entenda a origem desta palavra

Os boatos sobre o coronavírus: fique por dentro do que é verdade e mentira

Tudo sobre o coronavírus - Covid-19: da origem à chegada ao Brasil

Coronavírus: qual é a diferença entre isolamento e quarentena?   

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade