Publicidade

Estado de Minas COVID-19

Curado da COVID-19, engenheiro mineiro deixa hospital sob aplausos na Espanha

Um vídeo foi gravado do momento que Humberto deixava o hospital. Visivelmente emocionado, ele passou, no corredor, por profissionais que cuidaram dele por três semanas


postado em 08/04/2020 16:57 / atualizado em 08/04/2020 17:11

Humberto Rezende saiu sob aplausos do hospital, na Espanha, onde estava em tratamento da COVID-19(foto: Print/ Vídeo)
Humberto Rezende saiu sob aplausos do hospital, na Espanha, onde estava em tratamento da COVID-19 (foto: Print/ Vídeo)
Sob aplausos, o engenheiro de telecomunicações, Humberto Rezende, de 50 anos, deixou o hospital em Madri, capital da Espanha, onde estava internado com a COVID-19.  Foram três semanas para se recuperar após ser infectado com o novo coronavírus. Humberto é natural de Pouso Alegre, no Sul de Minas. O engenheiro mora na Espanha há dois anos com a esposa e o filho.

Um vídeo foi gravado e mostra Humberto saindo no corredor formado pelas equipes de profissionais de saúde do hospital que cuidaram dele durante esse período. Os aplausos e vibrações dos profissionais emocionaram o engenheiro. O vídeo foi enviado ao Terra do Mandu por Henrique Rezende, irmão do engenheiro e que mora no Sul de Minas. Assista abaixo:
 

"Hoje é um dia de muita felicidade para toda a minha família. Meu Irmão recebeu alta do hospital e está indo pra casa. Já não precisa mais do respirador. Agradecemos do fundo dos nossos corações as orações de todos. Temos certeza absoluta que a cura dele foi fruto destas orações, e do trabalho incansável dos médicos e enfermeiras que cuidaram dele, e de tantos outros. Continuemos em oração por todos aqueles que sofrem desse mal e pelas famílias que perderam seus entes queridos", escreveu Henrique em mensagem enviada nesta quarta-feira (8).

Depoimento 

Ainda quando estava internado e respirando com o auxílio de aparelhos, o engenheiro fez questão de gravar um depoimento e enviar aos parentes no Brasil para contar que a COVID-19 não era uma 'gripezinha'.

“Meu nome é Humberto. Moro aqui em Madri e há algumas semanas eu contraí o COVID-19. Estou em recuperação. Os hospitais aqui são excelentes. Todo mundo está trabalhando muito forte para cuidar das pessoas. A situação é muito complicada, não é uma gripezinha, a pneumonia é muito rápida e afeta muito grave as pessoas”, contou no vídeo ainda internado no hospital.

“Eu queria dizer para todo mundo se cuidar muito e ficar em casa, a gente tem que ajudar o sistema da saúde para aguentar a pressão nesse momento. Então tem que ficar em casa, proteger as pessoas e o sistema de saúde. Fiquem bem, um abraço a todos”, finalizou o vídeo divulgado no 11º dia de internação.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade