Publicidade

Estado de Minas

Itabira tem primeiro resultado positivo para o novo coronavírus

O homem que testou positivo para o vírus esteve fora do país e está em isolamento domiciliar


postado em 25/03/2020 22:45

A cidade registrou o primeiro caso suspeito no dia 17 de março(foto: Marco Santos )
A cidade registrou o primeiro caso suspeito no dia 17 de março (foto: Marco Santos )
O primeiro caso do novo coronavírus (Covid-19) em Itabira foi confirmado na noite desta quarta-feira (24) pela prefeitura municipal. O estado de saúde do homem que testou positivo para o vírus é estável. No momento o itabirano, que esteve fora do país e passou por diversos aeroportos, está em isolamento domiciliar.

 

De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde, o paciente apresentou sintomas gripais assim que retornou de viagem, procurou uma unidade de saúde e recebeu orientações para permanecer afastado de outras pessoas. Seguindo o protocolo, foi realizado o teste para diagnosticar a doença e o resultado deu positivo para Covid-19. O homem encontra-se estável e sem sintomas.

 

A cidade registrou o primeiro caso suspeito no dia 17 de março. Desde então, os casos em investigação apresentam rápido crescimento. Até às 18 horas desta quarta, o município havia registrado 65 suspeitas da doença.

 

Novos leitos

 

A Prefeitura de Itabira anunciou também nesta quarta-feira que vai destinar 148 leitos a pacientes com suspeita ou com confirmação de coronavírus. As adequações na rede de atendimento serão feitas nos hospitais Nossa Senhora das Dores (HNSD) e no municipal Carlos Chagas (HMCC).

 

De acordo com a Secretaria de Saúde, a rede municipal já conta desde a semana passada com 34 leitos exclusivos para atender à Covid-19. O número inclui enfermaria e também Unidade de Terapia Intensiva (UTI), todos com isolamento respiratório.

 

A próxima fase prevê a instalação de mais 114 leitos para o coronavírus nos dois hospitais, totalizando 148 para atender os casos da doença. A previsão é que isso aconteça até o mês de abril e considera uma soma de 23 leitos viabilizados no HNSD e 125 no HMCC, que, inclusive, se tornará referência maior ao Covid-19 na microrregião.

 

Fechamento do comércio

 

Desde o dia 18 deste mês o prefeito de Itabira, Ronaldo Magalhães (PTB), determinou a suspensão temporária dos alvarás de todo e qualquer estabelecimento capaz de aglomerar pessoas no município. A medida, que visa impedir a proliferação do coronavírus na cidade, exclui apenas supermercados, farmácias, laboratórios, clínicas, hospitais e outros pontos de atendimento de saúde.

 

(Com informações de Anna Gonçalves)


Publicidade