Publicidade

Estado de Minas

Temporal em BH: moradores do São Bento relatam prejuízos e momentos de desespero

Bairro da Região Centro-Sul da capital - a mais afetada pelo temporal que caiu nesta terça (28) -, amanheceu coberta de lama, com prédios inundados e vias destruídas


postado em 29/01/2020 11:23 / atualizado em 29/01/2020 17:22

(foto: Jair Amaral/EM)
(foto: Jair Amaral/EM)
O cenário é de terra arrasada no bairro São Bento, Região Centro-Sul da capital mineira. Após a tempestade que devastou parte de Belo Horizonte nesta terça-feira (28), sobram lama, carros destruídos, árvores derrubadas, prédios inundados e buracos nas vias da localidade.





Ainda assustados, diversos moradores passaram amanhã contabilizando prejuízos. Um deles é o médico Fernando Vasconcelos, de 70 anos, que perdeu o carro durante a chuva e aguarda o reboque para remover o que sobrou do veículo.

Pelo menos quatro computadores foram perdidos, além de muito material, como apostilas e livros. "A água tomou o primeiro andar. Precisamos de subir. Tentei acalmar todos os alunos, muitos ficaram nervosos", relata. 

"Meu carro foi arrastado por 50 metros. Eu estava na aula de espanhol, quando a chuva começou a cair. A escola é da minha esposa e, para sexta-feira, estávamos preparados e subimos com todos os materiais. Mas, ontem, fomos pegos de surpresa", contou Fernando


Morador do São Bento há 35 anos, Urquiza Antônio de Faria Alvim, de 80, conta que nunca presenciou uma chuva tão devastadora. "A última chuva muito forte (de que tive notícia) foi há cinco anos. Mas, a construção da barragem segurou o temporal. Eu estou impressionado. A água atingiu dois metros de altura", relatou. A enxurrada chegou a invadir a garagem da casa dele. Nesta manhã, o idoso e a mulher fizeram a limpeza da residência. "Ainda não abri os dois carros que estavam estacionados na garagem", disse.





Ver galeria . 89 Fotos Região Centro-Sul de Belo Horizonte foi a mais atingida pelo temporal da noite de 28 de janeiro. Na foto, situação na Praça Marília de Dirceu, no Bairro de LourdesPaulo Filgueiras/EM/DA Press
Região Centro-Sul de Belo Horizonte foi a mais atingida pelo temporal da noite de 28 de janeiro. Na foto, situação na Praça Marília de Dirceu, no Bairro de Lourdes (foto: Paulo Filgueiras/EM/DA Press )


(foto: Soraia Piva/EM/D.A. Press)
(foto: Soraia Piva/EM/D.A. Press)


Publicidade