Publicidade

Estado de Minas

Ministério da Saúde não considera paciente em BH como caso suspeito de coronavírus

Segundo o órgão federal, a notificação pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais não se enquadra nos critérios para definir casos suspeitos


postado em 22/01/2020 16:36 / atualizado em 22/01/2020 17:23

Paciente está internada no Hospital Eduardo de Menezes, em Belo Horizonte(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Paciente está internada no Hospital Eduardo de Menezes, em Belo Horizonte (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)

O Ministério da Saúde informou que não há detecção de nenhum caso suspeito do coronavírus no Brasil. O órgão federal não considera a notificação em Minas como caso da pneumonia indeterminada relacionada à China.

De acordo com o órgão federal, o caso notificado pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), de uma brasileira, de 35 anos, não se enquadra na definição de caso suspeito da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Isso porque em Xangai, onde a paciente esteve, não há, até o momento, transmissão ativa do vírus.

A paciente chegou no último sábado da China e está internada no Hospital Eduardo de Menezes, em Belo Horizonte. Ela está clinicamente estável e o caso está sendo investigado.

(foto: AFP)
(foto: AFP)
“De acordo com a definição atual da OMS, só há transmissão ativa do vírus na província de Whuan”, informa a nota do ministério.

O ministério informou que está monitorando a situação e, assim que houver definição da situação de emergência pela OMS, tomará as medidas cabíveis.


Publicidade