Publicidade

Estado de Minas

Carreta tomba e polícia apreende 6,5 toneladas de maconha na MGC-497, em Prata

Droga estava escondida no meio de uma carga de arroz. Motorista, que é paraguaio, foi preso e confessou que levaria o entorpecente para Uberlândia, no Triângulo Mineiro


postado em 04/12/2019 17:05 / atualizado em 04/12/2019 17:13

A droga ficou espalhada pela MGC-497, em Prata(foto: Polícia Militar (PM) / Divulgação)
A droga ficou espalhada pela MGC-497, em Prata (foto: Polícia Militar (PM) / Divulgação)

O acidente com uma carreta carregada com arroz levou a polícia a apreender uma grande quantidade de drogas nesta quarta-feira em Prata, na Região do Triângulo Mineiro. O veículo tombou quando seguia pela MGC-497. A carga de arroz se espalhou pela pista, assim como vários pacotes de maconha. Ao todo, 6,5 toneladas de entorpecente foram encontradas. O motorista, que é paraguaio, afirmou que levaria o material para Uberlândia.

O acidente aconteceu no início da manhã, por volta das 7h. Uma van que transportava trabalhadores rurais por pouco não foi atingida. As testemunhas acionaram a Polícia Militar (PM). “Usuários da rodovia afirmaram que a carreta tinha tombado a cerca de 10 quilômetros de Prata e que tinha uns pacotes estranhos no meio da carga de arroz”, explicou o tenente Marcos Fagundes, comandante do 2ºPelotão da PM.

O motorista da carreta, que é paraguaio, foi socorrido por populares e encaminhado para a cidade. Ele recusou atendimento. “Esse motorista estava apavorado e não quis ficar no pronto socorro. Por isso, foi deixado em um posto de combustível. De lá, seguiu em direção a Uberlândia a pé. Mas acabou preso por militares”, contou o comandante.

Motorista da carreta foi preso e confessou que levaria a droga para Uberlândia(foto: Polícia Militar (PM) / Divulgação)
Motorista da carreta foi preso e confessou que levaria a droga para Uberlândia (foto: Polícia Militar (PM) / Divulgação)


Droga seguia para Uberlândia


De acordo com Fagundes, ao ser questionado pelos militares, o motorista confessou que levaria a carga para Uberlândia. “Ele disse que embarcou a droga em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, e receberia R$ 10 mil para levar até Uberlândia. Deixaria com uma pessoa desconhecida o caminhão”, disse o tenente.

A droga foi encaminhada para a delegacia onde foi pesada. Ao todo, foram 6.500 quilos apreendidos. Segundo a PM, os pacotes com o entorpecente tinham códigos e já traziam o peso total. O material e o homem preso foram levados para a delegacia da Polícia Federal (PF) em Uberlândia.


Publicidade