Publicidade

Estado de Minas

Confira prazo para recadastramento de meio passe estudantil em BH

Estudantes precisam acessar o site da prefeitura e depois levar documentação para conferência


postado em 02/12/2019 14:37 / atualizado em 02/12/2019 15:27

Lei que criou o meio-passe aos estudantes foi aprovada em 2011(foto: Renato Weil/EM/D.A Press - 21/02/2011)
Lei que criou o meio-passe aos estudantes foi aprovada em 2011 (foto: Renato Weil/EM/D.A Press - 21/02/2011)

Mais de 6 mil estudantes precisam se recadastrar para continuar recebendo o meio passe em 2020. O benefício, concedido pela Prefeitura de Belo Horizonte, é equivalente a 50% do valor das tarifas pagas no percurso de ida e volta entre a residência e a escola do aluno beneficiário. O processo de renovação é feito pela internet, no portal da prefeitura.

Os beneficiários do programa que mantiveram a matrícula na mesma escola e não mudaram de endereço têm entre 2 e 13 de dezembro para renovar o benefício. Não é necessária a entrega da documentação.

Já os estudantes que mudaram de escola ou de endereço têm de 14 de dezembro a 2 de janeiro de 2020 para fazer o recadastramento pelo site, marcando a opção ‘Renovação com Alteração’. Depois de cadastro via web, o estudante precisa entregar a documentação até o dia 3 de janeiro, na Gerência de Atendimento Regional mais próxima de casa.

Novos inscritos

Alunos do ensino médio e da Educação de Jovens Adultos (EJA), matriculados e frequentes em estabelecimentos de ensino da capital e que moram em uma distância igual ou superior a um quilômetro da escola que frequentam podem solicitar a inclusão no benefício a partir de janeiro de 2020.

É necessário acessar o site, entre os dias 13 e 24, e preencher a ficha de inscrições. As novas inscrições dependem da disponibilidade de vagas e a prefeitura entrará em contato caso o estudante seja selecionado para receber o benefício e informará o procedimento para entrega da documentação.

Quem pode ter o meio passe?

O desconto de 50% do valor das tarifas no transporte por ônibus é destinado preferencialmente aos estudantes do Ensino Médio e EJA (Educação de Jovens e Adultos), que residam a mais de 1 quilômetro da escola que frequentam. Confira os critérios, segundo a Prefeitura de Belo Horizonte:
  • Anulo de ensino médio
  • Aluno de EJA (Educação de jovens e adultos
  • Residir a mais de um quilômetro
  • Alunos que utilizam linhas de ônibus gerenciadas pela BHTrans ou metrô
  • Desses serão contemplados os estudantes de escolas públicas. Em caso de alunos de escolas particulares, somente poderá ser concedido para aqueles que forem contemplados pela instituição de ensino com BOLSA INTEGRAL de estudos
 
* Estagiária sob supervisão da subeditora Ellen Cristie. 


Publicidade