Publicidade

Estado de Minas

Família que fazia vaquinha para cirurgia em criança ganha operação de médico

O garoto, de 4 anos, já esperava havia mais de três anos pela operação de catarata que agora será feita por oftalmologista


postado em 02/10/2019 18:22 / atualizado em 02/10/2019 19:45

A família de Luís está sem palavras com a novidade(foto: Arquivo Pessoal)
A família de Luís está sem palavras com a novidade (foto: Arquivo Pessoal)


E que tal terminar o dia com uma boa notícia, acreditando que boas ações existem? O garotinho Luís Henrique, de 4 anos, que tem uma patologia nos olhos, não precisará mais da vaquinha on-line que a família se propôs fazer para custear a operação. O oftalmologista Luiz Alberto Laborne fará a cirurgia de graça

Tudo começou com Ricardo Carlini, gerente de Jornalismo da TV Alterosa, que se prontificou a ajudar a família. Ele entrou em contato com o cabeleireiro Thidy Lopes, que tem o hábito de fazer ações dessa natureza e há alguns anos ajudou uma criança que estava na mesma situação, com a colaboração do médico. 

Thydi informou que, após receber o contato, ligou para o oftalmologista, que ele se prontificou rapidamente a ajudar. “Deus colocou pessoas certas no meu caminho e elas estão de braços abertos para ajudar” afirmou ele. 

O médico afirmou ter ficado sabendo da história do menino nesta quarta-feira, por meio de um tio da criança, e que se colocou à disposição para ajudar. Integrante de uma família de oftalmologistas, Laborne lembrou de uma frase do pai: "Nossa missão como oftalmologistas é dar mais vida ao olho, para dar mais brilho à vida”. 

O oftalmologista disse que agora espera o menino para a realização de exames e preparação para o procedimento. Segundo Luiz Alberto Laborne a patologia da criança, coloboma de retina, é a má-formação de uma parte da retina e que é preciso avaliar para saber o dano visual. “O Luís não pode esperar, por isso me prontifiquei logo”, ressaltou o médico.

A mãe do menino, Sandra dos Santos, de 45 anos, informou que no início da semana que vem estará em Belo Horizonte para conhecer o médico e iniciar os procedimentos necessários à cirurgia. “Não tenho nem palavras para agradecer”, disse ela, em relação á iniciativa do médico. 
 
*Estagiária sob supervisão do editor Roney Garcia


Publicidade